Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Fiat Argo 2019 fica mais caro e tem menos versões
Topo de linha, Fiat Argo 1.8 com câmbio automático versão 2019 fica R$ 700 mais caro do que a versão 2018

Lançamentos | 17/07/2018 | 18h33

Fiat Argo 2019 fica mais caro e tem menos versões

Número de opções diminui de oito para seis e preços vão até R$ 71,9 mil

REDAÇÃO AB

A Fiat lança no mercado nacional a linha Argo 2019 que chega às concessionárias com algumas mudanças: a família ficou menor, agora são seis opções e não oito como antes. Por enquanto, a versão intermediária ficou de fora, mas continuará sendo vendida na versão 2018 e deve ser atualizada em breve, informa a montadora em comunicado divulgado na terça-feira, 17.

Os preços também mudaram: enquanto a versão de entrada 1.0, lançada em maio passado manteve o preço de oferta sugerido de R$ 44.990, a opção 1.3 Drive com câmbio manual diminuiu o preço em R$ 1 mil, para R$ 53.990. As demais tiveram seus preços alterados, com opções mais caras.

- Fiat Argo 1.0 – R$ 44.990,00 (preço anterior: o mesmo)
- Fiat Argo Drive 1.0 – R$ 47.990,00 (preço anterior: R$ 47.790,00)
- Fiat Argo Drive 1.3 – R$ 53.990,00 (preço anterior: R$ 54.990)
- Fiat Argo Drive 1.3 GSR (automatizado) – R$ 59.590,00 (preço anterior: R$ 59.990)
- Fiat Argo HGT 1.8 – R$ 65.990,00 (preço anterior: R$ 65.290)
- Fiat Argo HGT 1.8 AT6 (Ishift automático) – R$ 71.990,00 (preço anterior: R$ 71.390)

A linha 2019 também ganhou novos opcionais e novos itens de série. Segundo a Fiat, o sistema start/stop passa a ser oferecido como opcional nas versões Drive 1.0 e Drive 1.3, permitindo que seja uma escolha do cliente contar ou não com o item. O Argo Drive 1.3 GSR e as versões 1.8 continuam com o sistema de série.

Entre as principais mudanças de cada versão, o Argo de entrada 1.0 passa a contar como opcional com o kit visibilidade, que contém com desembaçador, limpador e lavador do vidro traseiro com intermitência. De série, a versão já vem equipada com itens como ar-condicionado, vidros elétricos dianteiros, trava elétrica, direção elétrica, computador de bordo, volante com regulagem de altura, ESS (sinalização de frenagem de emergência) e rodas de aço estampado aro 14”.

O Argo Drive 1.0, que vem com o motor Firefly de três cilindros, ganha de série o alarme antifurto e como opcional, oferece controle de tração (TC), controle eletrônico de estabilidade (ESC) e sistema hill-holder, entre outros, como a central multimídia com tela de nove polegadas, comandos de voz Bluetooth, áudio streaming, AUX/USB/MP3, rádios AM/FM, volante com comandos de áudio e telefone, além de segunda porta USB para passageiros traseiros.

A versão Argo 1.3 também passa a contar com alarme antifurto de série e os mesmos opcionais da versão anterior (TC, ESC e hill-holder). Também são opcionais os kits tradicionais kit Parking, kit Connect e Convenience, além do pacote kits multimídia 9”, o mesmo opcional da versão anterior.

O Argo 1.3 GSR, com câmbio automatizado, também leva alarme antifurto como item de série, além de TC, ESC, hill-holder, função Auto-Up Shift Abort, para retomadas mais vigorosas, controle de velocidade de cruzeiro, apoia braço para o motorista, vidro elétrico traseiro e retrovisores externos elétricos com função tilt down e repetidores laterais, todos de série. Opcionais são o kit multimídia 9”, Kit Parking e Kit Connect.

Na versão topo de linha HGT 1.8 com câmbio manual são de série calibração de suspensão e controle de estabilidade esportivos, além de sensor de estacionamento traseiro com visualizador. Entre os opcionais, câmera de ré e side bags dianteiros. Já a versão com transmissão automática de seis velocidades traz os mesmos itens da versão manual, incluindo os opcionais.



Tags: Fiat, Argo, lançamento, linha 2019.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência