Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Cyro Gazola é o novo VP para bicicletas na Abraciclo
Gazola é graduado em Administração de Empresas, com MBA pela Northern Illinois University

Carreira | 12/12/2018 | 11h10

Cyro Gazola é o novo VP para bicicletas na Abraciclo

Executivo passou por importantes multinacionais e é presidente da Caloi há dois anos

REDAÇÃO AB

Cyro Gazola é o novo vice-presidente para o segmento de bicicletas da Abraciclo, entidade que reúne as fabricantes de motos e bikes instaladas em Manaus. O executivo é graduado em Administração de Empresas pela Universidade Católica do Rio de Janeiro, com MBA pela Northern Illinois University, em Chicago, nos Estados Unidos.

Gazola tem experiência de 28 anos na indústria de bens de consumo, acumulada em cargos de liderança de companhias como Procter & Gamble, Royal Dutch Philips, Modelez e Caloi, fabricante de bicicletas da qual ele é presidente há dois anos. Na Abraciclo ele substitui João Ludgero.

Cyro Gazola comemora o bom momento da indústria em Manaus, que produziu de janeiro a novembro deste ano 751,8 mil bicicletas, 16,5% a mais que no mesmo período do ano passado. Para 2019 a Abraciclo projeta alta de 10%, com 857 mil unidades.

“A ampliação da infraestrutura urbana e o apoio do varejo, com crédito mais acessível, contribuem para o crescimento do setor”, afirma Gazola. O aumento da tecnologia dos produtos nacionais e a maior disposição dos consumidores são outros fatores apontados pelo executivo.



Tags: Cyro Gazola, Caloi, Abraciclo, bicicletas, motos, Manaus, João Ludgero, Procter & Gamble, Royal Dutch Philips, Modelez.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência