Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Audi e Ducati inauguram 1ª revenda integrada no País

Distribuição | 22/03/2019 | 18h30

Audi e Ducati inauguram 1ª revenda integrada no País

Concessionária em Campo Grande tem showroom compartilhado, mas motos contam com oficina e pátio separados

REDAÇÃO AB

A Audi e a Ducati inauguraram em Campo Grande (MS) o primeiro modelo de concessionária integrada no País. O novo formato inclui um espaço exclusivo de 100 metros quadrados para motos, com oficina e pátio.

Já o showroom tem um novo modelo de exposição, com motocicletas distribuídas ao lado dos carros da Audi. Com a chegada da Ducati em Campo Grande a concessionária passa a oferecer os modelos da linha Multistrada e das famílias Panigale, Monster, Diavel, XDiavel, Scrambler e Supersport.

“O campo-grandense é apaixonado por carros e motos. O mercado da região é muito promissor e deverá superar as expectativas”, prevê o presidente da Ducati do Brasil, Diego Borghi.

A revenda de Campo Grande será a décima da marca Ducati no País. Vale lembrar que a Audi comprou a Ducati em abril de 2012 por € 860 milhões. Naquele mesmo ano a fabricante de motos abriu a subsidiária no Brasil e anunciou o início da montagem em Manaus, dentro da estrutura da Dafra.

A utilização de mais concessionárias Audi daria um fôlego extra à Ducati, cujas vendas andam tímidas no mercado brasileiro. Em 2018 foram menos de mil motos emplacadas, uma queda de 16% em relação ao ano anterior, apesar de o mercado de duas rodas ter crescido 10,5% na mesma comparação.



Tags: Audi, Ducati, Panigale, Monster, Diavel, XDiavel, Scrambler, Supersport, Multistrada, Dafra.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência