Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Scania cria loja no Mercado Livre para venda de peças
O diretor de serviços Fábio Souza prevê atingir novos clientes, em especial aqueles com caminhões mais antigos

Aftermarket | 05/04/2019 | 13h18

Scania cria loja no Mercado Livre para venda de peças

Pedidos podem ser entregues no endereço do comprador ou retirados na concessionária

REDAÇÃO AB

A Scania começa a vender peças originais pela internet. A fabricante sueca ingressa neste mercado com uma loja oficial no Mercado Livre. O interessado pode encontrar ofertas pelo portal www.scaniaofertas.com.br ou direto em loja.mercadolivre.com.br/scania. Os pedidos podem ser feitos de qualquer região do Brasil e existe a opção de entrega no endereço do cliente ou retirada na concessionária.

“O comércio eletrônico abre mais um canal de contato com os clientes; traremos nossa rede ainda mais próxima deles. O parcelamento em até 12 vezes é um grande atrativo”, afirma o diretor de serviços da Scania no Brasil, Fábio Souza.

“A rede de concessionárias será fundamental neste processo porque cuidará da operacionalização da venda. Estamos abrindo novas oportunidades com potenciais clientes, especialmente de veículos mais antigos”, estima Souza.

As peças originais disponíveis na loja virtual fazem parte de diversas linhas. “O aumento de opções será ao longo dos próximos meses. Estamos com um planejamento direcionado para as mais requisitadas no dia a dia. Queremos agilizar ao máximo o tempo que o cliente levará para receber a encomenda”, diz o responsável pelo gerenciamento da loja virtual, Lincoln Garcia.



Tags: Scania, Mercado Livre, comércio eletrônico, Fábio Souza, Lincoln Garcia.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência