Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado | 25/09/2019 | 14h45

VW Caminhões aposta em vendas acima das 100 mil unidades em 2019

Brasil tem potencial para absorver de 150 mil a 200 mil caminhões por ano

SUELI REIS, AB | De Resende (RJ)

A VW Caminhões e Ônibus aposta que o mercado brasileiro pode ultrapassar a barreira dos 100 mil caminhões vendidos este ano graças à forte demanda que continua impulsionando os emplacamentos mês a mês. Volume como este não se vê desde 2014, quando as vendas foram de 136,2 mil. Depois disso com a crise econômica, as vendas despencaram até 2017, quando o mercado voltou a reagir: se comparado com aquele ano, as vendas atuais avançaram 100%.

Mas os números são fortes por causa de uma base de comparação ainda baixa. Segundo o gerente executivo de marketing da VWCO Luciano Cafure, embora o ritmo de negócios esteja voltando lentamente à sua normalidade, a tendência aponta para um crescimento contínuo também para os últimos meses do ano.

“Se continuar com o crescimento que tem sido visto de janeiro até agora, certamente deve passar das 100 mil unidades, podendo chegar até 105 mil”, disse o executivo na quarta-feira, 25, a um grupo de jornalistas nas dependências da fábrica de Resende (RJ) durante a apresentação para adiantar as novidades que a empresa vai lançar na Fenatran, em outubro.

O segmento de caminhões pesados e extrapesados, com PBT acima de 15 toneladas, representa 50% das vendas atuais no mercado de caminhões e continuará impulsionando o mercado até o fim do ano graças à demanda do agronegócio, que para o executivo, foi o único fator que conseguiu elevar o desempenho do setor de caminhões após o enfrentamento da crise, que ainda deixa sequelas: “O mercado está voltando à sua normalidade, ainda que lentamente; os negócios não estão desacelerando mês a mês. A economia dá sinais positivos, com uma Selic baixa e inflação sob controle”, completa.

Para o executivo, o País tem potencial para absorver de 150 mil a 200 mil caminhões por ano. “Se os investimentos vierem fortes, acredito que atingiremos esse volume [de 150 mil] em até dois anos”, projeta.



Tags: VW Caminhões e Ônibus, VWCO, caminhão, mercado, vendas, caminhões, Fenatran.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência