Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Jeep abrirá 20 concessionárias digitais até 2021
Segundo Corassa, estrutura nacional de pós-venda será ampliada de 915 boxes de atendimento para 1,3 mil até 2022

Distribuição | 04/12/2019 | 20h40

Jeep abrirá 20 concessionárias digitais até 2021

Montadora pretende explorar shoppings e endereços que não comportem revendas tradicionais

MÁRIO CURCIO, AB

A marca Jeep abrirá 20 concessionárias digitais até 2021. A montadora também terá novos pontos de venda plenos, com oficina, mas serão poucos. A informação foi divulgada pelo diretor de desenvolvimento de rede, Roger Corassa.

“Abriremos as lojas digitais em shoppings e endereços onde há oportunidade de aproximação com o cliente, mas falta espaço para o modelo tradicional de concessionária”, afirma Corassa.



“Teremos novas lojas completas neste período, mas serão aberturas pontuais”, diz o executivo. A rede Jeep passou de 45 concessionárias em 2014 para as 203 revendas atuais. Agora, mais que aumentar de fato a rede, a Jeep decidiu ampliar o total de boxes de serviço nas oficinas, já que nestes cinco anos a frota circulante da marca Jeep saltou de 15 mil para 400 mil veículos.

“Hoje são 915 boxes no País. Vamos elevar este número para 1,3 mil até 2022”, garante Corassa. A média atual é de 4,5 boxes por revenda e subirá para perto de seis em curto prazo.

No acumulado até novembro, a Jeep teve 118,3 mil unidades emplacadas. Detém 22% do mercado de SUVs. A direção da montadora confirmou para 2021 a produção do terceiro modelo Jeep na fábrica da FCA de Goiana (PE).



Tags: Jeep, Roger Corassa, concessionárias digitais.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência