Automotive Business
  
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Volksbus cresce o dobro da média de mercado

Transportes | 12/12/2019 | 18h33

Volksbus cresce o dobro da média de mercado

Vendas de ônibus VW passam de 5 mil unidades e marca recupera participação de 26%

PEDRO KUTNEY, AB | De Resende (RJ)

A Volksbus, marca de chassi de ônibus da VWCO, vai comemorar o fechamento de 2019 com seu melhor resultado anual dos últimos quatro anos. As vendas de 5 mil unidades em 11 meses representam expressivo crescimento de 74% sobre o mesmo período de 2018, quase o dobro da média do mercado, que avança 40% e deve terminar o ano com 21 mil ônibus emplacados. Perto de 5,5 mil serão Volksbus, que desde 2016 recuperou 10 pontos porcentuais de participação no segmento e passa agora de 26%.

“Foi um grande ano. O mercado de ônibus passa de 20 mil unidades como há muito tempo não acontecia e a Volksbus cresce mais rápido com expressiva recuperação de participação, graças principalmente à diversificação de produtos que fizemos”, afirma Jorge Carrer.



O gerente executivo de vendas de ônibus da VWCO credita o bom desempenho à recuperação da economia brasileira e à estratégia de lançar modelos que criam novos segmentos de mercado. Hoje a Volksbus oferece 17 modelos de chassis no mercado brasileiro. “O Brasil está ajudando, saímos do buraco que entramos seis a cinco anos atrás, mas fizemos nossa parte para melhorar. Perdemos participação (baixou a 16% em 2016) e agora voltamos ao nível que tínhamos no início da década. Para recuperar o terrenos perdido colocamos mais foco no negócio e aprendemos que não podemos mais depender tanto de um só produto ou um só programa como o Caminho da Escola”, pondera Carrer.

DESTAQUES DE 2019



Entre os destaques do ano, Carrer cita o chassi 9.160 para carrocerias de micro-ônibus anabolizados, o segundo Volksbus mais vendido do Páis que duplicou as vendas de 1.196 em 2018 para 2.250 em 2019 (janeiro a novembro).

O campeão de vendas continua a ser o 17.230 e suas diversas versões para carrocerias urbanas e de fretamento, com cerca de metade das vendas de Volksbus este ano, com mais de 2,5 mil unidades emplacadas e crescimento de 75% sobre 2018. “Com o aumento das exigências de conforto nas linhas urbanas, criamos opções com suspensão pneumática e ar-condicionado, o que nos ajudou a vender mais”, explica o executivo.

Carrer também destaca o 17.260 equipado com motor dianteiro de 6 cilindros, lançado há três anos. “Essa configuração está se transformando numa tendência em algumas cidades que precisam de ônibus mais potentes, pode ser um novo campeão de vendas e começamos a competir com outras marcas já estabelecidas no segmento”, diz.

Entre os mercados com melhor desempenho em 2019, a Volksbus ganhou mais participação em 17 estados, com destaque para Goiás que chegou a 58% e 45% na Bahia. Em 22 estados as vendas cresceram, especialmente em São Paulo com 1.331 chassis comercializados e a Região Nordeste onde foram vendidas 1,2 mil ônibus VW.

OTIMISMO PARA 2020



“O resultado nos deixa otimistas para 2020, que deve ao menos repetir o resultado de 2019. Existem muitos fatores no horizonte que devem sustentar as vendas de ônibus no País”, afirma Jorge Carrer.



Entre os vetores de crescimento continuado das vendas de ônibus em 2020, Carrer aponta o avanço positivo da economia, com previsão de expansão maior do PIB, redução de juros aliada à baixa inadimplência e apetite dos bancos em conceder crédito, necessidade de renovações de frotas urbanas e rodoviárias, além da retomada de segmentos que ficaram parados nos últimos anos, como fretamento e licitações como a da cidade de São Paulo, o maior mercado do País.

No programa Caminho da Escola, que em 10 anos já comprou 20 mil ônibus da fabricante, a VWCO venceu nova licitação para fornecer 3,6 mil unidades de seus três modelos escolares para transporte urbano e rural. As entregas já começaram este ano, mas a maioria dos veículos será faturada em 2020.

Outra aposta para o ano é o lançamento do chassi 22.280 com motor dianteiro para carrocerias urbanas de 15 metros que levam até 115 passageiros (40 sentados). “É uma capacidade um pouco menor do que um articulado, mas os custos de aquisição e operacional também são muito menores. O veículo é ideal para corredores em que os grandes ônibus articulados rodam abaixo da capacidade”, explica Carrer.

Na prateleira, pronto para lançar assim que a questão regulatória for resolvida, está o Volksbus 26.330, um chassi articulado de 18 metros com motor dianteiro, que também promete custos bem menores do que os concorrentes que atuam no segmento com veículos maiores com mais de 20 metros.



Tags: VWCO, Volksbus, ônibus Volkswagen, mercado, balanço.

Comentários

  • Reneluis

    Comum motor 330 cv a vwco poderia fabricar um bi-articulado pois é motor para carreta!

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência