Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
GM volta a contratar em São José e São Caetano
Linha de montagem da General Motors em São Caetano do Sul: novas contratações

Indústria | 28/01/2020 | 20h32

GM volta a contratar em São José e São Caetano

Mas empresa não confirma contratações anunciadas pelo governador Doria

PEDRO KUTNEY, AB

A General Motors voltou a fazer contratações nas fábrica de São Caetano do Sul e São José dos Campos, como resultado dos investimentos que a montadora está fazendo em suas plantas no Estado de São Paulo. Segundo informações dos sindicatos de ambas as cidades, no início de janeiro foram contratados 350 pessoas para reforçar o quadro da unidade do ABC Paulista, enquanto no Vale do Paraíba foi aberto na segunda-feira, 27, processo seletivo para admitir 60 operadores de produção, que irão atuar principalmente no setor de fabricação da picape S 10, com contrato temporário inicial de um ano.

A fábrica de São Caetano recebeu investimentos de R$ 1,2 bilhão nos últimos dois anos e este mês começou a produzir o primeiro SUV nacional da empresa, o Chevrolet Tracker, feito sobre a plataforma GEM (Global Emerging Markets) já adotada pelo novo Onix. O novo utilitário esportivo, que será lançado em março próximo, aumenta para seis o número de modelos produzidos na unidade – também são feitos lá o Joy e Joy Plus (a antiga geração do Onix), Cobalt, Montana e Spin, todos sobre plataformas antigas que deverão ser descontinuadas ao longo dos próximos anos.

O número de contratações em São Caetano, contudo, é bastante inferior ao que foi divulgado pelo governador de São Paulo, João Doria. Em entrevista concedida no fim de semana passado à TV americana CNN em Davos, na Suíça, Doria falou em 1,2 mil novas contratações pela GM em São Caetano. Depois, na segunda-feira, 27, voltou a citar número parecido em entrevista na rádio CBN, acrescentando que a maior parte dos contratados viria da fábrica da Ford em São Bernardo, que fechou as portas em outubro.

A GM informou por meio de sua assessoria que não iria comentar o assunto – possivelmente para não desmentir o governador, que há um ano, após a GM ameaçar fechar suas unidades em São Paulo, criou o IncetivAuto, programa que incentiva com descontos de até 25% do ICMS novos investimentos de montadoras no Estado, o que motivou a empresa a anunciar aportes de R$ 10 bilhões até 2024 nas duas fábricas paulistas.

EM SÃO JOSÉ, FÉRIAS E INVESTIMENTOS APÓS PDV



Segundo o sindicato dos metalúrgicos local, as 60 vagas abertas em São José dos Campos fazem parte do novo ciclo de investimentos da empresa, em um primeiro momento para produzir versões renovadas da picape S 10 e do SUV derivado Trailblazer. Como parte da preparação das linhas de produção, a fábrica vai conceder férias coletivas de 10 a 23 de fevereiro para 1,2 mil trabalhadores dos setores da S 10, Trailblazer, Diesel e áreas afins. A GM não informou quando os novos contratados temporários começarão a trabalhar.

Antes de abrir o processo seletivo em São José, em 2019 a GM realizou três rodadas de um programa de demissão voluntária (PDV), que segundo o sindicato levou ao desligamento de 400 funcionários, reduzindo para 1,3 mil o número total de empregados no complexo.

Em novembro, perguntado por qual motivo havia sido aberto o PDV em São José às vésperas de iniciar um novo ciclo de investimentos na unidade, Carlos Zarlenga, presidente da GM América do Sul, limitou-se a dizer: “Sempre olhamos oportunidades de aumentar a eficiência de nossas operações”. O executivo evitou confirmar as razões desse processo, que envolve a concessão de incentivos para o desligamento de funcionários mais antigos, que ganham mais, para contratar novos empregados com salários menores.



Tags: General Motors, GM, trabalho, contratações, indústria, investimentos, São Caetano do Sul SP, São José dos Campos.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência