Automotive Business
  

Notícias

Ver todas as notícias
Venda de pneus começa 2020 com pequena queda de 2%

Balanço | 28/02/2020 | 20h00

Venda de pneus começa 2020 com pequena queda de 2%

Número reflete recuo na produção de veículos em janeiro e menor demanda para reposição

REDAÇÃO AB

A venda de pneus em janeiro somou 4,4 milhões de unidades, anotando pequena queda de 2% em relação ao mesmo mês do ano passado. A retração decorre de menores volumes vendidos às montadoras (-3,3%) e também ao mercado de reposição (-1,5%). Os números foram divulgados pela Anip, associação que reúne fabricantes instalados no Brasil.

Essa queda de vendas às montadoras está alinhada à retração na produção de veículos em janeiro. A análise por tipo de veículo revela que os pneus de uso comercial puxaram o setor para baixo. Os pneus de carga (para caminhões, carretas e ônibus) foram os mais afetados em janeiro, com 523,2 mil unidades e queda de 9,5%. Nos pneus para comerciais leves a queda foi pouco menor, 8%, com 543,3 mil unidades negociadas.

No segmento mais volumoso, o de automóveis, as vendas somaram 2,5 milhões de pneus. Na comparação com janeiro de 2019 houve leve queda de 0,5% tanto nas vendas ao mercado de reposição (1,7 milhão de unidades) como no fornecimento às montadoras (797,1 mil).

PNEUS DE MOTO ANOTAM ALTA DE 3,3%


Ainda de acordo com a Anip, as vendas de pneus para moto em janeiro somaram 755 mil unidades, registrando crescimento de 3,3%. No segmento de motocicletas a Anip só divulga as vendas ao mercado de reposição. Mas como a produção em janeiro superou as 100 mil motocicletas, é provável que as empresas associadas à Anip tenham fornecido cerca de 200 mil pneus às montadoras instaladas em Manaus.

BALANÇA COMERCIAL COMEÇA COM DÉFICIT


Os fábricas de pneus começaram o ano com déficit de US$ 741,3 mil na balança comercial. As exportações caíram 14,2% na comparação com janeiro do ano passado. As importações também recuaram, mas em 10,7%. O déficit decorre do maior volume de importações (2,4 milhões de pneus) que exportações (1,06 milhão).

Durante o ano passado o País manteve o superávit ao compensar o menor volume com o envio de pneus de maior valor agregado. Mas ao menos neste início de ano isso não foi suficiente.



- Faça aqui o download dos dados da Anip
- Veja outras estatísticas em AB Inteligência





Tags: Pneus, Anip, montadoras, reposição, exportação, importação, veículos de carga, caminhões, ônibus, comerciais leves, automóveis, motos.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência