Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias

COVID-19 | 05/03/2020 | 15h30

Montadoras japonesas podem perder US$ 1,6 bilhão com coronavírus

Impacto na produção de Toyota, Nissan, Honda, Mitsubishi e Mazda será de 580 mil veículos até abril

REDAÇÃO AB

A epidemia de coronavírus causará em 2020 uma redução US$ 1,6 bilhão nos lucros de cinco grandes montadoras do Japão, Toyota, Nissan, Honda, Mitsubishi e Mazda. A estimativa é da Goldman Sachs, em reportagem publicada pelo site Automotive News.

As cinco grandes japonesas devem montar 580 mil carros a menos no período de janeiro a abril. A propagação da doença forçou a interrupção da produção em Hubei, quarto maior polo automotivo da China, e teve efeito cascata na indústria automobilística global.

Jás as vendas mundiais, considerando todas as fabricantes, deverão cair este ano em 3,5%, não mais em 0,3% como previsto anteriormente. Um relatório da Goldman Sachs estima que mesmo com a retomada da produção ainda levará algum tempo para o retorno à capacidade usual das fábricas por causa da falta de componentes. A retomada do consumo na China é outra dúvida.

A Suzuki tem pequena dependência de produção ou vendas no mercado chinês e por isso teria sofrido impacto muito pequeno com a epidemia de coronavírus.



Tags: Montadoras, coronavírus, Goldman Sachs, Toyota, Nissan, Honda, Mitsubishi, Mazda, Suzuki.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência