Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Fabricantes estendem prazos de revisão e garantia

COVID-19 | 25/03/2020 | 20h25

Fabricantes estendem prazos de revisão e garantia

BMW, Mini, Hyundai, Kia, Nissan, PSA, Renault, Toyota e Lexus aumentaram tolerância de tempo e quilometragem por causa da quarentena

MÁRIO CURCIO, AB

Reportagem atualizada em 27 de março

Fabricantes estão aumentando prazos de revisão e garantia de seus veículos por causa do período de isolamento social decorrente da pandemia de Covid-19, doença provocada pelo coronavírus. BMW, Mini, Hyundai, Kia, Peugeot e Citroën já anunciaram extensões de tempo e quilometragem para seus carros.

As novas regras têm pequenas variações de uma marca para a outra e poderão ser estendidas como consequência de possível ampliação da quarentena.

Os donos de Mini e de carros ou motos BMW terão reparos cobertos até 30 dias após o fim da garantia contratual. A condição vale para os veículos cuja garantia vença entre 23 de março e 24 de abril. O período será reavaliado e poderá ser alterado se for preciso.

O BMW Group também vai adotar como tolerância para realização das manutenções o prazo de 30 dias ou 1,2 mil quilômetros. Para os carros BMW ou Mini eles serão contados a partir da indicação-limite do CBS (sistema de alerta eletrônico integrado a esses veículos). No caso das motos, o parâmetro será o limite de tempo ou quilometragem (o que ocorrer primeiro) indicado no manual do proprietário. A recomendação é que o cliente agende previamente o atendimento nas redes BMW e Mini.

Na Hyundai Motor Brasil, as garantias e revisões da linha HB20 ou Creta com vencimento a partir de 10 de março de 2020 serão asseguradas até 30 de abril de 2020, com possibilidade de prorrogação. A tolerância de quilometragem destes Hyundai também será ampliada em 2 mil km, mas o veículo deverá passar por inspeção na rede autorizada se a margem for ultrapassada.

A Kia seguiu caminho semelhante e está ampliando pelos próximos três meses as tolerâncias de quilometragem e de tempo para todo o plano de revisões periódicas. O limite de quilometragem foi dobrado para os automóveis, passando de 1,5 mil km para 3 mil. No minicaminhão Bongo K2500 esse limite triplicou, passando de 500 para 1,5 mil km.

Já a regra de tempo corrido (atualmente de 12 meses contados a partir da compra ou última revisão) terá um acréscimo de três meses para todos os Kia durante o período de enfrentamento da pandemia.

“São pequenas medidas que conseguimos oferecer durante essa situação crítica, pensando em minimizar os impactos na rotina e tranquilizar os clientes”, afirma o diretor técnico da Kia Motors do Brasil, Gabriel Loureiro.



Na Nissan, as revisões periódicas realizadas a cada 10 mil km tiveram sua tolerância temporariamente estendida de mil para 3 mil km. E o limite de tempo dessa tolerância, que era de 12 meses, também foi ampliado em três meses. A fabricante informa que essa alteração emergencial do plano de manutenções poderá ser revisada a qualquer momento, de acordo com a necessidade do mercado.

Na PSA Peugeot Citroën, os prazos de planos de revisão e manutenção de todos os veículos em garantia aumentaram em três meses e/ou 3 mil km. A medida vale desde 17 de março. E os veículos que estiverem perto do fim da garantia estarão cobertos em até um mês após a data-limite.

No caso de automóveis em garantia e que sofram pane sem possibilidade de reparo no local, a assistência 24 horas será responsável por organizar a volta do cliente até sua casa e fazer o deslocamento do veículo para a concessionária ou mesmo para a garagem do consumidor.

Para a Renault, todas as revisões que venceram a partir de 10 de março tiveram seu prazo estendido até 30 de abril. A data poderá ser ampliada posteriormente se houver novas recomendações de quarentena.

Toyota e Lexus vão estender por até três meses o vencimento de revisões obrigatórias ou garantia contratual em março e abril de 2020. A medida é uma condição temporária.

A revisão por tempo (12 meses) teve a tolerância ampliada de um para três meses. A revisão por quilometragem (10 mil km) teve a tolerância aumentada de mil para 3 mil km.

A garantia de 36 meses foi estendida em dois meses. Quando medida por quilometragem, para uso comercial (100 mil km), foi ampliada em 2 mil km. No caso dos Lexus, a garantia de 48 meses também teve acréscimo de dois meses.



Tags: Covid-19, coronavírus, BMW, Mini, Hyundai, Kia, PSA, Peugeot, Citroën, Nissan.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência