Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Toyota faz recall de 341 Prius por risco de perda repentina de potência
Atendimento na rede começa em 13 de julho. Carros têm numeração final de chassi entre F1847469 e F1991399

Segurança | 10/07/2020 | 16h44

Toyota faz recall de 341 Prius por risco de perda repentina de potência

Veículos híbridos enquadrados na campanha foram produzidos de julho de 2014 a setembro de 2015

REDAÇÃO AB

A possibilidade de perda de potência súbita levou a Toyota a fazer um recall para 341 unidades do modelo Prius. Os carros foram fabricados entre julho de 2014 e setembro de 2015. A numeração final de chassi (oito últimos dígitos) vai de F1847469 a F1991399.

A montadora percebeu que em alguns casos raros esses Prius podem perder potência e velocidade repentinamente, com a parada total do veículo, gerando risco de acidentes graves e até fatais. Isso ocorre porque os carros envolvidos na campanha foram projetados para entrar em modo de segurança caso ocorra alguma falha no sistema híbrido.

No entanto, a Toyota identificou que em algumas raras situações o veículo pode não acionar esse modo de segurança como planejado. O atendimento à campanha começa na segunda-feira, 13 de julho. A correção será feita pela reprogramação no módulo de controle do sistema híbrido. O tempo estimado para o reparo é de aproximadamente uma hora.

O proprietário deverá entrar em contato com a rede autorizada Toyota para agendamento prévio. A relação de concessionárias está no site www.toyota.com.br. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 0800 703 0206 ou pelo www.toyota.com.br/servicos/recall/.



Tags: Toyota, Prius, híbrido, recall, convocação, perda de potência.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência