Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Abeifa registra alta nas vendas em novembro
Caoa Chery, fabricante do Tiggo 8, foi a associada da Abeifa com melhor resultado em novembro

Mercado | 01/12/2020 | 19h20

Abeifa registra alta nas vendas em novembro

Crescimento de 3,7% na comparação com outubro foi impulsionado por modelos montados no País

REDAÇÃO AB

A Abeifa (Associação Brasileira das Empresas Importadoras e Fabricantes de Veículos Automotores) divulgou seu balanço mensal referente às vendas de novembro na terça-feira, 1º. De acordo com o levantamento, as 15 empresas associadas à entidade emplacaram quase 6 mil veículos, entre importados e montados no País (a maior parte). O número representa alta de 3,7% em relação a outubro. Já na comparação com novembro de 2019, o aumento foi de 1,4%. No acumulado desde janeiro, o setor soma 52,2 mil automóveis vendidos, contra 60,7 mil no mesmo período do ano passado, em retração de 14%.

Embora os números totais de novembro possam parecer positivos, o resultado positivo foi puxado pelo bom desempenho das quatro marcas associadas à entidade que também montam veículos no País. BMW, Caoa Chery, Land Rover e Suzuki registraram 3,5 mil modelos "nacionais" entregues, o que representa crescimento de 10,3% tanto na comparação com outubro passado, quanto com novembro de 2019 (os dois meses contabilizaram 3,1 mil unidades comercializadas). Mas, no acumulado do ano, a venda de automóveis produzidos no País segue 7,8% menor que a registrada no mesmo período do ano passado: são 27,2 mil unidades este ano, contra 29,5 mil em 2019.

IMPORTADOS EM BAIXA



Ao se analisar os resultados dos modelos importados, constata-se queda de 4,2% nas vendas de novembro em relação às de outubro. Foram 2,5 mil veículos licenciados no penúltimo mês do ano, contra 2,6 mil do anterior. Na comparação com novembro de 2019, a retração é de 8,7%, e ao confrontar os números do acumulado deste ano (25 mil unidades) com o do ano passado (31,2 mil), o recuo é ainda maior, de 19,9%.

As vendas em baixa dos modelos estrangeiros também significam pequena participação no mercado brasileiro: as 25 mil unidades produzidas em outros países e importadas ao País por associados da Abeifa este ano representam apenas 1,4% do total de veículos leves vendidos no período.



Tags: Mercado, Abeifa, balanço, vendas, importados, produção nacional, BMW, Caoa Chery, Land Rover, Suzuki.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência