Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
GM e Onix lideram vendas pelo quinto ano seguido
Onix hatch e sedã, em primeiro e terceiro no ranking dos modelos mais vendidos de 2020, garantiram liderança à GM com 65% das vendas da marca Chevrolet no ano

Mercado | 03/01/2021 | 12h30

GM e Onix lideram vendas pelo quinto ano seguido

Chevrolet, Volkswagen e Fiat dominaram mais da metade do mercado em 2020

JOEL LEITE, AUTOINFORME

Com 17,4% de participação no mercado interno, em 2020 a GM/Chevrolet liderou as vendas de veículos no Brasil pelo quinto ano consecutivo, com 338.590 unidades licenciadas, segundo números apurados pela Autoinforme. O resultado está diretamente ligado ao desempenho do campeão da fabricante, o Onix, que também já soma cinco anos no topo do ranking dos modelos mais vendidos do País e sozinho representou 40% dos emplacamentos da marca em 12 meses – porcentual que aumenta para 65% quando são consideradas as vendas da versão sedã Onix Plus, que foi o terceiro mais emplacado.

Em disputa apertada, Volkswagen (16,8% de participação) e Fiat (com 16,4% e a liderança nos três últimos meses de 2020) aparecem no segundo e terceiro lugares no ranking de marcas, ambas vendendo acima das 300 mil unidades. Com isso, as três grandes somam juntas quase 1 milhão de carros vendidos no ano, ou seja, mais da metade do mercado de veículos leves em 2020, deixando pouco mais de 45% para todas as outras 37 marcas juntas.

A Hyundai é destaque na quarta posição, conquistou 8,6% das vendas internas e ficou longe das concorrentes diretas, Ford, Toyota e Renault, que ficaram na faixa dos 7% de participação.

Jeep, Honda e Nissan completam a lista das dez marcas mais vendidas em 2020. Destaque para a Caoa Chery, que saltou do 14º lugar em 2019 para 11º em 2020.

ONIX, NOVAMENTE O MAIS VENDIDO DO BRASIL



Pelo quinto ano consecutivo o Chevrolet Onix hatch é o carro mais vendido no Brasil. Foram 135.369 unidades. Embora o volume seja bem inferior ao registrado em 2019 (241 mil) – por causa da queda geral do mercado em função da crise do coronavírus – a diferença em relação ao segundo colocado é enorme, quase 50 mil unidades.

O segundo foi o Hyundai HB20, com 86.507 unidades, seguido pelo sedã Chevrolet Onix Plus, que vendeu 83.406 carros e desbancou o Ford Ka, que em 2019 foi o segundo colocado e que agora ficou apenas na sexta posição, com 67.283 unidades.

A picape Fiat Strada, lançada em nova geração com enorme sucesso na metade do ano, subiu da sétima colocação no ranking em 2019 para a quarta, avançando três posições em 2020.

O maior avanço foi do Volkswagen T-Cross, que subiu da 25ª posição para o oitavo lugar, com 60.125 unidades, conquistando a liderança no segmento dos utilitários esportivos, que no ano passado foi do Renegade. O SUV da Jeep ficou em nono lugar na classificação geral com 56.866 unidades.

Além do T-Cross, mais um modelo entrou na lista dos 10 mais, a picape Fiat Toro, que ficou em décimo lugar (era a 11ª em 2019).

O VW Gol, quinto colocado, manteve a posição e o Fiat Argo fechou o ano em sétimo, perdendo uma posição em relação ao ano passado.

Veja abaixo os rankings das 30 marcas e dos 50 carros mais vendidos no Brasil em 2020:





Tags: Mercado, ranking, marca, modelo, vendas, resultado, 2020, GM, Chevrolet, Volkswagen, Fiat, Hyundai, Ford, Renault, Toyota, Honda, Nissan, Jeep, veículos leves, Autoinforme.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência