Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Anfir adere ao programa Comércio Brasil para comprar de pequenos fornecedores

Negócios | 27/01/2021 | 18h18

Anfir adere ao programa Comércio Brasil para comprar de pequenos fornecedores

Fabricantes de implementos terão acesso a 2 mil empresas de SP

REDAÇÃO AB

A Anfir, associação que reúne os fabricantes de implementos rodoviários no Brasil, aderiu ao programa Comércio Brasil, uma iniciativa do Sebrae-SP e da FIA (Fundação Instituto de Administração), que dará aos membros da entidade acesso à plataforma que reúne 2 mil fornecedores de médio e pequeno portes (PMEs) cadastrados, todos sediados em São Paulo, que oferecem um vaiado leque de produtos e serviços.

“Dessa forma nossos associados terão acesso a um portfólio de parceiros de qualidade da Rede Comércio Brasil”, diz Mario Rinaldi, diretor executivo da Anfir.

Criado em 2005 pelo Sebrae em âmbito nacional, o Comércio Brasil é uma iniciativa 100% gratuita para todas as empresas envolvidas e a missão do programa é fomentar negócios, gerar riqueza, emprego e renda. As 2 mil empresas cadastradas pela FIA e pelo Sebrae estão capacitadas para atender as empresas compradoras em qualquer região do País.

Para fazer parte, o primeiro passo é cadastrar a empresa e inserir suas demandas na plataforma da rede www.comerciobrasil.net.br. A empresa interessada será contatada por um agente de mercado do programa e será convidada a participar de reuniões coletivas ou individuais (virtuais) de aproximação comercial com potenciais fornecedores.



Tags: Anfir, implementos rodoviários, Comércio Brasil, Sebrae, Sebrae-SP, FIA, Fundação Instituto de Administração, fornecedores, PMEs.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência