Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

| 19/08/2010 | 00h00

GM registra nos EUA pedido de oferta de ações

Empresa registrou lucro de US$ 1,3 bi no trimestre.

Gustavo Nicoletta, Agência Estado

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social

Gustavo Nicoletta, Agência Estado

A General Motors registrou nesta quarta-feira, 18, nos Estados Unidos os planos para o lançamento de uma oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) que, segundo fontes, deve levantar US$ 10 bilhões ou mais. A montadora funciona como uma companhia de capital fechado há mais de 14 meses.

De acordo com os documentos enviados pela GM à Securities and Exchange Commission (SEC, a comissão de valores mobiliários norte-americana), a companhia pretende ser listada com ações ordinárias na Bolsa de Nova York (NYSE) com o símbolo GM e também na Bolsa de Toronto (Canadá), mas com um símbolo que ainda deve ser definido.

Os documentos afirmam também que apenas os atuais proprietários - e não a companhia - venderão ações ordinárias. Os acionistas atuais incluem o Departamento do Tesouro dos EUA, que detém uma participação de 61% na montadora. A GM, no entanto, pretende oferecer uma quantidade ainda indeterminada de ações preferenciais e afirmou que inicialmente não haverá dividendos para as ações ordinárias.

O IPO permitirá que o governo dos EUA comece a se desfazer da participação adquirida na montadora em razão dos auxílios oferecidos à indústria automotiva no ano passado. A GM está tentando cortar os laços com o governo norte-americano porque, segundo o executivo-chefe da companhia, Edward E. Whitacre Jr., a proximidade com o poder público afasta potenciais consumidores.

Na semana passada, a GM anunciou que obteve um lucro de US$ 1,3 bilhão no segundo trimestre, em comparação a um prejuízo de quase US$ 13 bilhões registrado em igual período do ano passado.

Em geral, a SEC precisa de 30 a 90 dias para revisar as solicitações de IPO. Para o governo dos EUA recuperar o investimento feito na GM, a montadora deve atingir um valor de mercado de US$ 70 bilhões - ou o equivalente a 10 vezes o valor de mercado da companhia antes da concordata. As informações são da Dow Jones.



Tags: GM, ações, IPO, bolsa.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência