Automotive Business
  
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Elétricos e híbridos | 06/10/2010 | 09h33

Apelo ecológico em esportivos e alto luxo em Paris

Elétricos e híbridos são associados a alto desempenho no Salão de Paris.

Andrei Netto, para a Agência Estado

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Andrei Netto, para a Agência Estado

O Salão do Automóvel de Paris, que prossegue até dia 17 de outubro, abriu suas portas revelando ao público recorde de 200 mil visitantes uma nova estratégia: associar carros elétricos e híbridos à ideia da esportividade e alto desempenho.

Não contentes em renovar mitos como Ferrari e Porsche, as montadoras apostam em estilo, luxo, tecnologia e desempenho para voltar a seduzir os consumidores e fortalecer uma tendência: os carros high tech ou movidos a energias alternativas.

Para festejar seus 80 anos, a Ferrari lança no salão seu novíssimo modelo SA Aperta, mais um produto de sonhos do escritório de design de Sergio Pininfarina. Aliás, o nome é uma homenagem aos desenhistas Sergio e Andrea (SA), colaboradores de longa data do construtor italiano. Pelos 1.690 quilos de bela engenharia e design e pelo motor V12 6.0 de 670 cavalos, os interessados terão de desembolsar € 400 mil – na Europa, claro. Além disso, terão de enfrentar a concorrência e a fila de espera: só 80 exemplares serão fabricados.

Porsche e Audi

A Porsche responde com o novo 911 Speedster, impulsionado por um motor 3.8 que empurra a máquina com 408 cavalos. Por um dos 356 exemplares do brinquedo, a fábrica alemã pede € 200 mil.

Atenta aos movimentos da concorrência internacional, a Audi não ficou atrás e apresentou o A7 Sportback, um cupê de quatro portas e linhas agressivas, desenhadas para fazer frente ao Mercedes CLS.

Na guerra dos modelos feitos para proprietários com os pés no chão, a Peugeot lança o 508, modelo híbrido que substitui na Europa dois produtos: o 407 e o 607. Seu objetivo: reforçar a presença da marca francesa do leão como concorrente direta dos construtores alemães.

Dessa estratégia também faz parte o RCZ, que bate de frente com o Audi TT e será vendido no Brasil em 2011. No mesmo segmento, outros destaques são os novos Volkswagen Passat e Passat Variant.

Os membros da sétima geração da grife de Wolfsburg, garante a montadora, estão sincronizados com seu tempo: a palavra de ordem dos modelos é tecnologia.

Entre os carros-conceito, uma tendência: associar esportividade a novas tecnologias de impulsão. O Renault DeZir traz seu propósito no nome, "desejo" em português. Projetado pelo designer holandês Laurens van den Acker, o modelo de linhas superesportivas é na realidade um carro elétrico, com motor central e bateria de lítio que garante autonomia de 160 quilômetros. É parte de uma estratégia para impulsionar a opção da montadora por carros elétricos, e não híbridos.

Esportividade

Com a mesma lógica do DeZir, a Audi apresentou no salão o e-Tron Spyder, que também tenta associar esportividade à ideia do carro híbrido, a escolha da marca.

Para tanto, o modelo é equipado de um motor elétrico de 87 cavalos e outro a combustão bem à moda antiga: V6 turbo de 300 cavalos.

Outra aniversariante, a Jaguar comemora seus 75 anos levando a concorrência a sério e apresentando em Paris o CX 75, cupê elétrico equipado com quatro motores, um em cada roda, um conjunto que gera, segundo o fabricante, 785 cavalos.

Ainda no segmento dos sonhos, outro concept car de luxo é o Lamborghini Sesto Elemento. Com ele, a marca italiana, propriedade da alemã Audi, apresenta seu modelo desenvolvido com fibra de carbono. Seu motor, um V10 de 570 cavalos, leva o motorista – conforme dados do construtor – a nada menos de 0 a 100 km/h em 2,5 segundos.



Tags: Salão de Paris, carro elétrico, híbrido, Ferrari, Porsche, Pininfarina.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência