Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Marketing e Lançamentos | 02/12/2010 | 17h40

Renault diversifica portfólio com Fluence

Montadora quer avançar para 3ª posição no mercado.

Gioavnna Riato, Automotive Business

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Giovanna Riato, AB

A Renault marcou para fevereiro o início da comercialização do Fluence, sedã que vai substituir o Mégane. O modelo já tem os concorrentes determinados: Toyota Corolla e o Honda Civic.

Sem entregar números Jean-Michel Jalinier, presidente da Renault Brasil, afirma que a novidade deve superar as vendas do antigo sedã. A montadora vai importar o modelo da Argentina, ao ritmo de cerca de 20 mil unidades por ano.

A chegada do sedã é mais um passo na estratégia de diversificar o catálogo de produtos para garantir uma fatia maior do mercado. “Atualmente temos uma participação de 4,8%. Queremos conquistar 10% do mercado nos próximos anos com a aliança Renault Nissan”, revela.

A montadora vai encerrar 2010 com avanço de 35% sobre o ano anterior, com mais de 150 mil unidades vendidas. A estimativa da empresa é crescer mais 20% em 2011 e vender mais de 180 mil veículos no ano. Ritmo bem acima do projetado para o mercado, que deve avançar cerca de 8%.

Os pontos de vendas da marca também passam por uma expansão. Das atuais 180 lojas, a empresa quer chegar a 205 concessionárias espalhadas pelas capitais e praças menores. “Estamos na quinta posição em vendas e queremos ficar entre as três primeiras montadoras”, conta Jalinier.

A empresa aposta em uma linha ampla de produtos, com destaque para os carros da plataforma B, o Logan e o Sandero, e para o Clio, que detém os maiores volumes de vendas. A planta da montadora no Paraná tem capacidade para 750 veículos e mil motores por dia, com dois turnos de operação.



Duster

Como outras empresas do setor automotivo, a montadora enfrenta as dificuldades de custo e competitividade de produzir no Brasil. Por isso a decisão de montar o Fluence na Argentina, mesmo com diversos componentes e com o motor nacional. Apesar disso, a montadora já reserva para a planta local a produção do Duster, que será lançado também em 2011 e marcará o primeiro passo da companhia no segmento de utilitários.

“Temos grandes ambições para este modelo no Brasil porque ele é de uma categoria que está em expansão”, aposta o presidente da Renault. Jalinier adianta que o Duster passará por diversas adaptações para agradar ao consumidor nacional, já que é um modelo Europeu.

Preços

Fluence Dynamique 2.0 16 V flex câmbio manual
R$ 59.990

Fluence Dynamique 2.0 16 V flex câmbio CVT X-Tronic
R$ 64.990

Fluence Privilège 2.0 16 V flex câmbio CVT X-Tronic
R$ 64.990

Pintura metálica R$ 850, bancos de couro R$ 1.800, teto solar R$ 2.500, Pack (faróis de Xenon, com regulagem de altura e lavador, teto solar elétrico com sistema anti-esmagamento) R$ 4.000.



Tags: Fluence, Renault, Duster, lançamento.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência