Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias

Insumos | 03/02/2011 | 14h23

Nippon Steel e Sumitomo fundem operações em 2012

Sumitomo sofre pressão de clientes automotivos.

Danielle Chaves, Agência Estado

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Danielle Chaves, Agência Estado

Na primeira grande fusão do setor de siderurgia do Japão em uma década, a Nippon Steel, quarta maior siderúrgica do mundo, pretende se unir em outubro de 2012 com a Sumitomo Metal Industries, que é a terceira maior companhia do setor em produção. A fusão poderá criar uma gigante com valor de mercado superior a US$ 35 bilhões.

O acordo surge no momento em que siderúrgicas de médio porte japonesas, como a Sumitomo, enfrentam dificuldades para lidar com o aumento do custo das matérias-primas e com a pressão dos grandes clientes do setor automotivo para que reduzam os preços de seus produtos. Além disso, a concorrência para abastecer os mercados asiáticos está se intensificando, com companhias chinesas e sul-coreanas tentando atrair clientes.

A Nippon Steel, por sua vez, busca formas para tentar se aproximar da concorrente global ArcelorMittal. A Sumitomo é um parceiro lógico dentro dessa estratégia: as duas empresas japonesas já têm uma série de contratos industriais de parceria, bem como pequenos acordos cruzados de participação acionária.

A fusão da Nippon com a Sumitomo será a primeira desde que a NKK e a Kawasaki Steel se uniram para criar a segunda maior siderúrgica do Japão, a JFE Holdings, em setembro de 2002. As informações são da Dow Jones.



Tags: Nippon Steel, Sumitomo Metal, ArcelorMittal, NKK, Kawasaki Steel.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência