Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias

Insumos | 03/03/2011 | 06h09

Gerdau prevê alta de 7% na demanda por aço

Em 2010, no Brasil, avanço foi de 11%.

Agência Estado

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Mônica Ciarelli, Agência Estado
O presidente do conselho de administração da Gerdau, Jorge Gerdau Johannpeter, prevê crescimento entre 6% e 7% na demanda por aço no Brasil em 2011. No ano passado, a expansão foi maior, de 11%. "Saímos de um patamar muito baixo", explicou o executivo. O crescimento de 2010 refletiu a recuperação do setor após a crise financeira nacional, que provocou uma forte retração da economia mundial.

Durante o anúncio de um investimento de R$ 2,5 bilhões em sua usina no Rio de Janeiro, o presidente do conselho da Gerdau afirmou ainda que a importação de aço pelo Brasil vem caindo nos últimos meses e que os produtores nacionais estão se ajustando.

O executivo não quis traçar um cenário para o preço de seus produtos e se limitou a ressaltar que o aço no mundo tem preços flutuantes, que refletem o custo de matérias-primas como minério de ferro e carvão. "A indicação é de que o minério vai subir". Já o carvão, explicou ele, tem sofrido pressão por conta dos problemas climáticos na Austrália, que prejudica a logística de escoamento do produto.



Tags: Gerdau, siderurgia, aço, minério de ferro, carvão.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência