Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Produção de máquinas crescerá perto de 25% no ano

Indústria | 07/12/2018 | 13h10

Produção de máquinas crescerá perto de 25% no ano

Indústria brasileira montará 66 mil unidades, superando projeção da Anfavea para 2018

MÁRIO CURCIO, AB

A produção nacional de máquinas agrícolas e rodoviárias somou no acumulado de janeiro a novembro 60,2 mil unidades e registrou alta de 19,4% sobre igual período do ano passado. O total em 11 meses já é bastante próximo da projeção anual para o setor, que fechará o ano não com 61 mil, mas cerca de 66 mil unidades e alta de 24,5% em vez de apenas 15%.

A produção conta com a ajuda do mercado interno e em alguma medida com as exportações, já que o setor é menos dependente da Argentina que outros segmentos. Como comparação, o embarque de automóveis caiu 15,6% na comparação interanual e o de máquinas, apenas 6,7%. Os números foram divulgados pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea).



- Faça aqui o download dos dados da Anfavea
- Veja outras estatísticas em AB Inteligência



Como exemplo, a produção de tratores de esteiras até novembro somou 3,8 mil unidades e cresceu 103% na comparação com iguais meses do ano passado. E as exportações desse tipo de máquina somaram mais de 3 mil unidades e cresceram 82,3%. Em regra elas são enviadas para a América do Norte.

MERCADO INTERNO CRESCE 12%


A venda interna de máquinas agrícolas e rodoviárias somou de janeiro a novembro 43,3 mil unidades e anotou alta de 11,9% sobre iguais meses de 2017. O maior volume foi o de tratores de rodas, com 35,7 mil unidades e acréscimo de 8,8% na comparação anual. Mas o crescimento em 2018 foi alavancado pelo aumento de demanda por outros modelos. As colheitadeiras totalizaram no período 4,7 mil unidades, alta de 25,3%.

“Elas tiveram bom crescimento neste período e até o fim do ano vão compensar em parte a queda de venda de tratores que sempre ocorre entre novembro e janeiro”, afirma o vice-presidente da Anfavea, Alexandre Bernardes.



Outra alta expressiva foi das retroescavadeiras, que se aproximaram de 1,9 mil unidades no acumulado do ano. O volume é 73,9% maior que o vendido em iguais meses do ano passado.

“Essa alta reflete um aumento de demanda na construção civil, mas a retroescavadeiras têm sido bastante utilizadas no suporte agrícola para aumento da produtividade”, diz Bernardes, citando o uso dessas máquinas no cultivo de arroz e em projetos de irrigação.



Tags: Máquinas, máquinas agrícolas, Anfavea, tratores, retroescavadeiras, Alexandre Bernardes.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência