Agrale prorroga flexibilização de jornada

Venda de tratores Agrale recuou 26% no primeiro quadrimestre

Por MÁRIO CURCIO, AB
  • 29/05/2015 - 18:35
  • | Atualizado há 2 months
  • 31 segundos de leitura
    A Agrale estendeu por mais três meses a flexibilização de jornada ou semana curta em suas três fábricas de Caxias do Sul (RS), onde produz caminhões, tratores e veículos utilitários. A medida, aprovada pelos funcionários, vinha sendo adotada desde fevereiro por causa da retração do mercado.

    Segundo a fabricante, tanto os setores administrativos como a produção continuarão trabalhando quatro dias por semana, com desconto de 50% do dia não trabalhado. Nos primeiros quatro meses de 2015 a venda de caminhões Agrale recuou 28,1%.

    A demanda pelos chassis de ônibus da fabricante gaúcha teve retração de 48,7%, maior que a registrada pelo segmento (-26,1%). Ainda nesse período a empresa repassou 26% menos tratores à rede. Também nesse caso a retração foi maior que a de 18% verificada para esse tipo de equipamento.