BMW registra duas motos no Instituto Brasileiro de Propriedade Industrial

Estilo da moto e posição de pilotagem mostram que a BMW quer roubar clientes da americana Harley-Davidson

Por REDAÇÃO AB
  • 28/02/2020 - 16:32
  • | Atualizado há 2 months, 1 week
  • um minuto de leitura

    O Instituto Brasileiro de Propriedade Industrial (Inpi) deixou escapar algumas imagens de duas novas motos BMW equipadas com um novo motor boxer bicilíndrico de 1.800 cc apresentado pela empresa em dezembro de 2019. Este mesmo motor equipava a moto-conceito R18, mostrada em novembro no Salão de Milão.

    A descoberta das imagens foi do site G1. As motos têm como alvo claro a Harley-Davidson pela posição de pilotagem, cilindrada e desenho geral. O lançamento mundial está previsto para este ano.

    A BMW não confirma o modelo para o País. Informa apenas que teria feito o registro no Inpi para proteger o desenho da motocicleta. Mas tudo indica que virá, já que o Brasil está entre os maiores mercados mundiais para as motos BMW.



    Novo boxer bicilíndrico é o maior já utilizado pela BMW e produz 91 cv. Moto acima é a versão mais despojada, com rodas raiadas e sem para-brisa nem alforjes Este novo motor produz 91 cavalos a apenas 4.750 rpm e fornece 16,1 kgf.m de torque a apenas 3.000 rpm. É refrigerado a ar e a óleo e pesa 106 quilos (pouco menos do que uma moto de 150 cc).
    A cilindrada exata é de 1.802 cc, a mais alta já utilizada em uma BMW. As imagens indicam duas motos semelhantes. A mais equipada recebe para-brisa, maletas laterais (alforjes) e rodas de liga leve em vez de raiadas.