Caso Latam pode ir a consulta pública

LAN e TAM entram com recurso em tribunal chileno.

Por Automotive Business
  • 10/03/2011 - 08:27
  • | Atualizado há 2 months, 1 week
  • um minuto de leitura

    <style type="text/css"> .texto { font-family: Verdana, Geneva, sans-serif; font-size: 10px; color: #666; } .texto { text-align: left; } </style>

    NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
    EmailRSSTwitterWebTVRevistaMobileRede Social


    Reação AB, co informações do Valor Online Alberto Komatsu escreve no Valor Online que o Tribunal de Defensa de la Libre Competencia (TDLC), órgão antitruste chileno similar ao brasileiro Cade, pretende julgar até o fim da próxima semana a necessidade de consulta pública para investigar os efeitos da fusão entre a chilena LAN Airlines e a brasileira TAM, que vai originar a Latam.

    No fim de janeiro o Conadecus, órgão chileno de defesa do consumidor, apresentou reclamação ao TDLC, pedindo a realização da consulta pública. O tribunal chileno acatou a decisão e o negócio pode ficar suspenso por oito meses a um ano. TAM e LAN entraram com recursos.

    A LAN anunciou nesta quarta-feira, 9, acordo com a JetBlue que abre 55 destinos da companhia nos Estados Unidos e países do Caribe e América Central.