Chinesa Horwin desembarca no Brasil

Scooter SK3 atinge 90 km/h, segundo a Horwin. Empresa também faz motos, bikes e patinetes, tudo elétrico

Por REDAÇÃO AB
  • 22/11/2019 - 21:00
  • | Atualizado há 2 months
  • 46 segundos de leitura
    Reportagem atualizada em 25 de novembro às 10h15

    A companhia chinesa Horwin começa a atuar no Brasil. A empresa especializada em veículos elétricos de duas rodas (motos, scooters, patinetes e bicicletas) pretende abrir escritório na capital paulista e revender seus produtos. O anúncio foi feito no Salão Duas Rodas, que ocorre até domingo, 24, no São Paulo Expo.

    Um dos modelos previstos para o País é o scooter SK3. Tem freios combinados (CBS) e atinge velocidade máxima de 90 km/h (o Honda Elite 125 atinge 92 km/h). A autonomia informada é de 160 quilômetros rodando a 35 km/h.

    A Horwin deve trazer também as motocicletas CR6 e CR6 Pro, com estilo semelhante ao de motos antigas e velocidade máxima de 105 km/h (próxima a modelos de 150 cc). Ambas recebem carregador integrado, que permite o uso de tomadas comuns e recarga em três horas.

    Sediada na província de Jiangsu, a Horwin foi fundada em 2014. Em 2018 vendeu 2,5 milhões de veículos elétricos na China. No restante do mundo foram 10 mil unidades apenas. Na Europa a empresa tem dois escritórios (Áustria e Alemanha), um centro de pesquisa e desenvolvimento e revendas em mais de 40 países.