Clarios contrata com foco na inclusão de mulheres

Shirley da Cunha Sousa é uma das 12 constratadas pela Clarios para a linha de produção

Por REDAÇÃO AB
  • 21/10/2020 - 18:38
  • | Atualizado há 2 months
  • um minuto de leitura

    Com o objetivo de aumentar a participação feminina em seu quadro de funcionários, a Clarios, fabricante das baterias Heliar (antiga Johnson Controls Power Solutions), contrastou recentemente 12 mulheres para sua unidade de Sorocaba (SP) para a área de produção. A iniciativa é parte das ações do comitê interno de diversidade e inclusão, criado em 2017, quando a empresa foi a primeira da região a se tornar signatária da ONU Mulheres.


    As contratações foram feitas mesmo durante a pandemia, uma vez que a Clarios não paralisou sua produção, já que as baterias são consideradas itens essenciais para o abastecimento de ambulâncias, automóveis, motocicletas, caminhões e ônibus, entre outras aplicações, como baterias estacionárias utilizadas em hospitais. Com isso, além de não haver demissões, o RH decidiu abrir processo seletivo, mas desta vez, focado unicamente na contratação de mulheres, cujos salários são igualmente igual ao de homens em cargos similares.

    “Hoje temos cerca de 1,3 mil funcionários e 14% deles são mulheres. Consideramos que todos precisam ter iguais oportunidades, portanto procuramos mais representantes do gênero feminino que pudessem oferecer os seus dons e talentos para a Clarios”, afirma a gerente de RH, Ursula Bueno.

    No total, a empresa conta atualmente com 200 mulheres. “A ideia é incluir cada vez mais mulheres, além de considerar todas as outras diversidades como parte dos nossos projetos futuros”, destaca a executiva.

    Atualmente, o comitê interno de diversidade e inclusão da empresa trabalha em quatro frentes: mulheres, raças e etnias, gerações e LGBTQIA+.