Confiança do consumidor bate recorde

Situação econômica contribuiu para evolução do índice

Por Vitor Abdala, Agência Brasil
  • 22/09/2010 - 10:57
  • | Atualizado há 2 months, 1 week
  • 2 minutos de leitura

    <style type="text/css"> .texto { font-family: Verdana, Geneva, sans-serif; font-size: 10px; color: #666; } .texto { text-align: left; } </style>

    NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
    EmailRSSTwitterWebTVRevistaMobileRede Social


    A confiança do consumidor brasileiro aumentou de agosto para setembro deste ano, segundo pesquisa da Fundação Getulio Vargas divulgada nesta quarta-feira, 22. O Índice de Confiança do Consumidor da FGV cresceu 0,7%, passando de 120,9 pontos no mês passado para 121,7 pontos neste mês. Esse é o maior índice da série histórica, iniciada em 2005. A satisfação dos consumidores com a situação atual também melhorou. O Índice da Situação Atual teve um aumento de 3,5%, passando de 136,1 pontos em agosto para 140,8 pontos em setembro, marcando um novo recorde.

    A satisfação com a situação econômica local foi o item que mais contribuiu para a evolução do índice. A proporção de consumidores que avaliam a situação atual como boa aumentou de 28,1% para 33,6% do total. Já a parcela daqueles que a consideram ruim passou de 22,6% para 21,2%.

    Já o Índice de Expectativas, que revela a expectativa para a situação econômica nos próximos meses, caiu 1,1%, passando de 112,8 pontos em agosto para 111,6 pontos neste mês. O percentual de consumidores que esperam uma melhora nos próximos seis meses diminuiu de 28,4% para 26,5%. Já o índice daqueles que preveem uma piora aumentou de 10,7% para 11,3%.

    Fonte: Vitor Abdala, Agência Brasil.