Exposição em shopping center marca 55 anos do Romi-Isetta no Brasil

Mostra ocorre em Santa Bárbara d’Oeste (SP), cidade onde o carro foi montado entre 1956 e 1961

Por Automotive Business
  • 03/09/2011 - 16:34
  • | Atualizado há 2 months, 1 week
  • 54 segundos de leitura
    Redação AB

    Nesta segunda-feira, 5 de setembro, a Indústrias Romi comemora 55 anos do início de fabricação do primeiro automóvel produzido no Brasil, o Romi-Isetta, um modelo compacto com apenas dos lugares. Por conta disso, a Fundação Romi e o Tivoli Shopping, de Santa Bárbara d’Oeste (SP), organizaram uma exposição com a história do veículo contada por fotos, painéis, textos e recortes de jornais da época, além de um exemplar do carro, que abre a mostra.

    A exposição tem entrada gratuita e vai até 11 de setembro, na entrada A do Tivoli Shopping, em frente à loja C&A. Horário: das 10 às 22 horas. Santa Bárbara d’Oeste fica a cerca de 140 quilômetros a noroeste da cidade de São Paulo. O shopping está na Avenida Santa Bárbara, 777.

    O Romi-Isetta foi produzido no Brasil até 1961. A Indústrias Romi S.A. foi fundada em 1930 por Américo Emílio Romi e Carlos Chiti. A empresa buscou na Itália o projeto do Isetta, desenvolvido pelo engenheiro aeronáutico Ermenegildo Preti e seu colaborador Pierluigi Raggi para a empresa italiana Iso, de Milão.

    Além de Itália e Brasil, o carro também foi produzido na Argentina, Áustria, Bélgica, Espanha, França, Inglaterra, Suécia e Alemanha. Neste último país foi feito pela BMW, que cedeu os motores quatro-tempos de 245 cc das unidades fabricadas a partir de 1957, chamadas Romi-BMW. As primeiras utilizavam propulsor dois-tempos.