Faturamento das autopeças cai 14,7% até abril

Venda às montadoras caiu 22,6% ante o mesmo período do ano passado

Por REDAÇÃO AB
  • 09/06/2015 - 14:56
  • | Atualizado há 2 months
  • 46 segundos de leitura
    O faturamento dos fabricantes de autopeças no primeiro quadrimestre deste ano foi 14,7% menor que o registrado em igual período de 2014. Os dados foram elaborados pelo Sindipeças a partir de informações de 64 empresas associadas que representam 30,5% das vendas totais. Os negócios com as montadoras recuaram 22,6% e os intrassetoriais, 21,1%. Já as exportações subiram 5,8%. As vendas ao setor de reposição também cresceram, em 4%.

    Veja aqui os números do Sindipeças

    Em abril de 2014 as vendas às montadoras representaram 67,9% do faturamento do setor. Um ano depois essa participação caiu para 60,2%. Nesse mesmo intervalo as exportações passaram de 14,5% para 20% e a fatia da reposição cresceu de 14,5% para 16,9%.

    O índice de emprego nacional no setor recuou 10,6% na comparação com o período janeiro-abril de 2014. O estudo que demonstra a evolução do emprego nas fabricantes de autopeças traz índices negativos desde abril de 2014.

    A capacidade ociosa cresceu 4,5% no primeiro quadrimestre e apresenta índices superiores a 30% também desde abril do ano passado, numa sequência que só foi interrompida em outubro, quando o índice recuou para 29,9%.