Fiat lidera vendas em outubro pelo segundo mês seguido

Strada: cerca de um quarto dos emplacamentos da Fiat em outubro

Por PEDRO KUTNEY, AB
  • 03/11/2020 - 19:00
  • | Atualizado há 2 months
  • um minuto de leitura

    Em outubro a Fiat conseguiu permanecer no topo do ranking de vendas pelo segundo mês consecutivo. Foram emplacados 38,3 mil veículos da marca no período, o que representou 18,7% de participação no mercado nacional de veículos leves, segundo números apurados pela Autoinforme. Cerca de um quarto do resultado é devido à picape Strada (10 mil emplacamentos em outubro), que desde o lançamento de sua nova geração em julho vem formando filas de espera de compradores do modelo.


    No ranking do mês passado a GM conseguiu colocar o hatch Chevrolet Onix de volta ao posto de carro mais vendido do País, ultrapassando a Strada, que desceu para o segundo lugar. Também colocou outros dois modelos (Onix Plus e Tracker) na lista dos dez carros mais vendidos do mercado. Mas não foi suficiente para superar a Fiat nem a Volkswagen. A marca alemã se manteve mais um mês na vice-liderança, com 34,3 mil veículos vendidos e fatia de 16,7% do mercado, menos de 300 unidades e apenas 0,1 ponto porcentual à frente da GM, com 34 mil emplacamentos e 16,6% de market share.

    A Hyundai manteve em outubro a quarta posição no ranking com 8,3% de participação, vendeu 17 mil carros. Depois aparecem Ford, Toyota, Renault e Jeep, todas na faixa de 7% a 6% de share. Honda e Nissan fecham a lista das dez marcas mais vendidas de veículos em outubro.

    No ranking de veículos leves mais vendidos em outubro, a GM colocou três modelos entre os dez mais: Onix (12,2 mil emplacamentos) em primeiro, Onix Plus em quarto (8,6 mil) e Tracker em oitavo (6,5 mil). A Fiat teve a Strada em segundo (10 mil) e Argo em sexto (7,6 mil). O HB20 segue sendo o único representante da Hyundai no topo da lista, em terceiro lugar (8,9 mil). A Volkswagen, apesar de ser a segunda marca mais vendida no mês, só foi representada entre os dez pelo velho Gol. A Ford reduziu suas vendas diretas e assim o Ka desceu para a sétima colocação (7,5 mil). A Jeep manteve o bom desempenho do Compass (6,2 mil) e do Renegade (6 mil), que fecham a lista em nono e décimo, respectivamente.

    No acumulado de 10 meses de 2020 o ranking não se alterou em relação ao que era no início do ano, mas está caindo a diferença que separa a líder GM (257,4 mil emplacamentos e 17,1% de participação nas vendas) da vice-líder Volkswagen (255,7 mil e 17%) e da terceira colocada Fiat (242,3 mil e 16,1%).