Geely firma acordo para fabricar na Bielorrúsia

Utilitário esportivo EX7 será um dos modelos da Geely que serão produzidos por joint venture na Bielorrúsia

Por REDAÇÃO AB
  • 22/07/2013 - 19:06
  • | Atualizado há 2 months, 1 week
  • um minuto de leitura
    O Grupo Geely, fabricante de veículos da China, anuncia acordo para a criação de uma joint venture que vai montar veículos na Bielorrússia, país do leste europeu. O contrato prevê que a montadora chinesa em conjunto com as empresas Belaz, do setor de máquinas de mineração, e a Soyuz, de autopeças, formarão a sociedade anônima de capital fechado Belgee, que terá capacidade para produzir 120 mil veículos por ano. O acordo marca a primeira joint venture do setor automotivo entre China e Bielorrússia.

    Os primeiros modelos chineses a entrarem em linha no país europeu serão EX7, SC7, SC5 e LC-Cross. Desses, estão disponíveis no mercado bielorrusso o SC7, desde março deste ano, e até o fim do ano será a vez do SUV EX7.

    Segundo a montadora, a capacidade de produção e a linha de produtos será expandida posteriormente visando os mercados de exportação, como Rússia, Ucrânia e outros países que formam a Comunidade dos Estados Independentes (CIS, na sigla em inglês): Armênia, Azerbaijão, Cazaquistão, Quirguistão, Moldávia, Tajiquistão, Uzbequistão e Turcomenistão.

    A Geely apresenta uma rápida expansão das exportações nos últimos anos e é considerada uma das maiores exportadoras de automóveis com o maior crescimento na China, com vendas particularmente fortes para os mercados russo e ucraniano. No primeiro semestre deste ano, a montadora registrou vendas de 14,8 mil e 6,7 mil unidades na Rússia e na Ucrânia, respectivamente, dando-lhe a maior presença entre as marcas de automóveis chinesas nesses mercados.

    Com receita bruta de US$ 24,6 bilhões em 2012, a Geely, que comprou a Volvo Cars no início de 2010 por US$ 1,3 bilhão, encerrou o ano passado como a 7ª maior produtora de automóveis da China e a montadora figura como uma das 500 maiores empresas no ranking da Fortune. Geely e sua subsidiária Volvo Cars registraram vendas superiores a 900 mil unidades em 2012.