Grupo VW registra queda de 1,7% nas vendas globais

Apesar de volume menor, receita das vendas cresceu 6,9% no período, para € 186,6 bilhões

Por REDAÇÃO AB
  • 30/10/2019 - 18:02
  • | Atualizado há 2 months, 1 week
  • um minuto de leitura
    O Grupo VW registrou queda de 1,7% nas vendas globais entre janeiro e setembro quando comparado com iguais meses de 2018. Foram entregues pouco mais de 7,82 milhões de unidades contra as 7,96 milhões de um ano antes. O volume considera o total das vendas registradas por todas as marcas do grupo, incluindo automóveis (Volkswagen, Audi, Porsche, Skoda, Seat, Bentley, Lamborghini, Bugatti) e veículos comerciais (Volkswagen Caminhões e Ônibus, MAN e Scania).

    Apesar do volume global menor, a receita da companhia cresceu 6,9% no mesmo período, passando de € 174,6 bilhões para € 186,6 bilhões. O lucro operacional (antes de itens especiais) aumentou 11,2%, para € 14,8 bilhões, principalmente por causa de melhor mix. O retorno operacional das vendas ficou em 7,9%.

    Nos nove meses fechados do ano, o grupo desembolsou € 1,3 bilhão com itens especiais, assim denominado os gastos com assuntos relacionados ao dieselgate. Há um ano, esses custos foram de € 2,4 bilhões, portanto um recuo de quase 46%.

    O lucro operacional após desconto dos itens especiais fechou em € 13,5 bilhões, aumento de 24,5% em um ano.

    “O Grupo Volkswagen alcançou um bom desempenho em meio a um ambiente de mercado desafiador. O desempenho nos primeiros nove meses do exercício atual nos deixa otimistas de que alcançaremos nossas metas para 2019”, disse Frank Witter, membro do conselho de administração responsável por finanças e TI.

    Ao divulgar seu balanço financeiro e de vendas, o Grupo VW confirma a revisão de suas perspectivas para 2019 e embora tenha verificado algum ganho em participação de mercado, a companhia agora espera que as vendas de veículos apresentem quedas maiores do que as previstas anteriormente em muitas regiões do mundo.

    Com isso, projeta entregar volume semelhante ao de 2018; em sua estimativa anterior, projetada pequeno aumento. No entanto, o Grupo VW confirma suas previsões de receita e lucro, sendo que a receita deverá exceder a do ano passado em até 5%. Já o lucro operacional (antes de itens especiais) deve ter um retorno sobre as vendas entre 6,5% e 7,5%.