Implementos pesados consolidam resultado positivo em 2020

Segmento registra crescimento pelo segundo mês seguido; alta nas vendas chega a 2,6% até novembro

Por REDAÇÃO AB
  • 03/12/2020 - 18:12
  • | Atualizado há 2 months, 1 week
  • um minuto de leitura

    O segmento de implementos rodoviários pesados consolida o crescimento das vendas em 2020 ao registrar o segundo mês consecutivo de alta nos volumes entregues ao mercado nacional. Segundo balanço divulgado pela Anfir na quinta-feira, 3, os pesados encerraram o acumulado do ano até novembro com aumento de 2,6% sobre igual período do ano passado, ao emplacar 60 mil produtos.



    - Faça aqui o download dos dados da Anfir
    - Veja outras estatísticas em AB Inteligência



    No resultado do acumulado até outubro, o segmento já havia revertido a curva de queda ao entregar 0,76% a mais do que em iguais meses de 2019 (leia aqui).

    “A retomada dos negócios em meio a recessão atual segue de forma gradual, mas firme”, analisa Norberto Fabris, presidente da Anfir.

    Segundo a entidade que reúne as fabricantes do setor, o bom desempenho de setores como agronegócio, responsável por mais de 40% dos negócios no segmento pesado; além de construção civil, com a retomada de lançamentos residenciais e obras de infraestrutura; e transporte de remédios e alimentos têm exercido forte influência na recuperação da indústria.

    Para o presidente da Anfir, os sinais indicam que 2021 deverá continuar a ser um ano de retomada.

    “A recessão em que nos encontramos deverá ser curta porque não é um choque desencadeado por grandes desequilíbrios. O apoio de políticas monetária e orçamentária foram e continuarão sendo decisivos para impulsionar a recuperação da economia”, comenta.

    Por outro lado, o segmento de implementos leves (carrocerias sobre chassis) continua registrando queda, embora em níveis menores que o registrado em meses anteriores. De janeiro a novembro, as vendas somaram 48,8 mil, retração de 6,7% sobre iguais meses do ano passado, quando o setor licenciou 52 mil unidades.