Indústria de pneus registrou queda de 7,4% nas vendas em abril

Resultado interrompe sequência de altas que vinha sendo registrado no ano; no acumulado o crescimento é de 28,3%

Por REDAÇÃO AB
  • 13/05/2021 - 15:45
  • | Atualizado há 2 months, 1 week
  • 57 segundos de leitura
    A Anip (Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos) divulgou na quinta-feira, 13, seu balanço mensal, no qual informa que as vendas do setor em abril registraram retração de 7,4% em relação ao total de março. Foram comercializadas 4,6 milhões de unidades no mês, contra 4,97 milhões de pneus em março. Esse resultado interrompeu a sequência de altas nas vendas que vinha sendo registrada pelo setor desde janeiro.

    Já no acumulado do quadrimestre, a indústria contabiliza crescimento de 28,3% na comparação com os quatro primeiros meses do ano passado. De janeiro a abril foram vendidos 18,67 milhões de pneumáticos, enquanto no mesmo período de 2020 o total foi de 14,55 milhões.

    De acordo com a entidade, a queda nas vendas afetou as duas modalidades de fornecimento da indústria. Nas entregas para montadoras, a redução foi de 8,3%, com as fabricantes comercializando 1,06 milhão de pneus em abril, contra 1,16 milhão em março. Já para o mercado de reposição foram fornecidas 3,53 milhões de unidades, ou 7,2% a menos do que os 3,81 milhões de exemplares do mês anterior.

    A balança comercial do setor segue apresentando déficit, agora acumulado em US$ 24,09 milhões. Em abril, as importações de pneus contabilizaram US$ 347,74 milhões, enquanto as exportações somaram US$ 323,64 milhões. Em unidades, foram trazidos 15,68 milhões de pneus de outros países, ao mesmo tempo em que foram exportadas 4,73 milhões de unidades.