Magneti Marelli e Calsonic Kansei viram apenas Marelli

Decisão se deu pelo maior peso da marca italiana para os consumidores de todo o mundo

Por REDAÇÃO AB
  • 13/05/2019 - 13:08
  • | Atualizado há 2 months, 1 week
  • 55 segundos de leitura

    Passa a se chamar simplesmente Marelli a empresa resultante da aquisição da fabricante de autopeças Magneti Marelli pela japonesa Calsonic Kansei, outra gigante no fornecimento de componentes do setor automotivo.

    A decisão de utilizar um único nome foi comunicada sete meses após a conclusão da venda da Magneti Marelli à sistemista japonesa pela FCA Fiat Chrysler por US$ 7,1 bilhões.

    “Optamos por Marelli depois de muita análise. Embora a Calsonic Kansei tenha uma forte presença na Ásia e no Japão, quando analisamos o valor total da marca e o reconhecimento dos clientes em todo o mundo, percebemos que a marca Magneti Marelli era a mais difundida”, afirma o CEO da Marelli, Beda Bolzenius.



    A empresa unificada tem 170 instalações e centros de P&D na Europa, América do Norte, América do Sul e Ásia-Pacífico. Emprega 62 mil funcionários. “Nosso objetivo é aproveitar a herança excepcionalmente forte pela qual cada empresa se tornou conhecida para criar um fornecedor automotivo líder mundial”, garante o CEO da companhia. O comunicado da Marelli informa também que a transição para a nova marca e seu logotipo levarão algum tempo ainda.