Mercedes-Benz amplia capacidade do superarticulado

Versão para 223 passageiros já roda em testes e estará na FetransRio

Por REDAÇÃO AB
  • 26/09/2016 - 17:20
  • | Atualizado há 2 months, 1 week
  • um minuto de leitura
    A Mercedes levará à FetransRio 2016 a versão aprimorada de seu ônibus superarticulado, que teve a capacidade de passageiros ampliada em cerca de 10%. O modelo pode transportar até 223 passageiros, sendo o maior superarticulado para corredores BRT do mundo e também o maior ônibus articulado da montadora.

    O anúncio do modelo foi feito durante o IAA, salão para veículos comerciais que ocorre a cada dois anos em Hannover, na Alemanha, e termina em 29 de setembro. A FetransRio se realiza entre os dias 23 e 25 de novembro no Riocentro.

    “Ele já opera em fase de testes no maior BRT do Brasil, do Rio de Janeiro, que foi utilizado por 11,7 milhões de pessoas durante os Jogos Olímpicos”, afirma o vice-presidente de vendas, marketing, peças e serviços, Roberto Leoncini.

    O modelo manteve o comprimento total de 23 metros dos outros superarticulados, mas uma nova posição da captação de ar para o motor permitiu maior aproveitamento de espaço interno, especialmente na parte traseira. Reforços estruturais e na articulação possibilitaram a configuração do salão de passageiros com 48 assentos (um deles para cadeirante) e espaço para 175 pessoas em pé.

    Pela versatilidade, o superarticulado Mercedes teve boa aceitação nas companhias de transporte que atuam na cidade de São Paulo. Das mais de mil unidades vendidas no País, 90% estão na capital paulista.

    Um destaque desse chassi é o quarto eixo direcional, que melhora sua capacidade de circulação em trechos com curvas mais fechadas. A Mercedes-Benz oferece ao mercado assessoria especializada em transporte de passageiros com uma equipe focada em sistemas como o BRT, apoiando clientes, órgãos gestores e consultorias.

    A marca está em grandes corredores brasileiros (Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Brasília e Curitiba) e também na Colômbia, Chile, México, Turquia e África do Sul.