Nissan adere aos WEP’s da ONU Mulheres

Nissan definiu missão global de diversidade e inclusão como parte de sua estratégia corporativa

Por REDAÇÃO AB
  • 15/04/2021 - 19:16
  • | Atualizado há 2 months, 1 week
  • um minuto de leitura


    A Nissan América do Sul aderiu aos WEP’s (Princípios de Empoderamento das Mulheres) da ONU Mulheres na quarta-feira, 14, durante um evento on-line da Organização das Nações Unidas. A empresa se comprometeu em âmbito regional com os objetivos de desenvolver e implementar medidas de promoção a igualdade de gênero nos negócios.

    O presidente e diretor geral da Nissan América do Sul, Guy Rodríguez representou a fabricante japonesa no evento e fez a assinatura simbólica do programa junto com mais 31 novas empresas.

    "Ficamos emocionados por aderir aos 'Princípios de Empoderamento das Mulheres' da ONU Mulheres e ao Pacto Global das Nações Unidas para promovermos um ambiente ainda mais diverso e inclusivo, por meio do qual todos os colaboradores se sintam valorizados e respeitados, como base de um desenvolvimento organizacional equitativo", disse o executivo da Nissan durante o evento.

    Em todo o mundo, mais de 70 empresas do setor automotivo são signatárias dos WEPs, sendo que dessas, 32 estão no Brasil. No país, a adesão tem sido estimulada pela AB Diversidade, iniciativa de Automotive Business em parceria com a MHD Consultoria que tem o propósito de agregar, apoiar e catalisar atores e ações que promovam a diversidade e a inclusão no setor automotivo. Com o apoio e incentivo do projeto, mais de 20 empresas do segmento firmaram compromisso com os princípios da ONU Mulheres.

    Além desse passo, recentemente a fabricante japonesa definiu uma meta global de diversidade e inclusão como parte de sua estratégia corporativa, como pilar fundamental para o desenvolvimento de suas operações.

    QUAIS SÃO OS PRINCÍPIOS DE EMPODERAMENTO DA MULHER?



    A assinatura dos WEPS prevê o compromisso das empresas privadas com sete princípios:

    1. Estabelecer liderança corporativa sensível à igualdade de gênero;
    2. Tratar todas as mulheres e homens de forma justa no trabalho, respeitando e apoiando os direitos humanos e a não discriminação;
    3. Garantir a saúde, segurança e bem-estar de todas as mulheres e homens que trabalham na empresa;
    4. Promover a educação, capacitação e desenvolvimento profissional para as mulheres;
    5. Apoiar o empreendedorismo feminino e promover políticas de empoderamento das mulheres através das cadeias de suprimentos e marketing;
    6. Promover a igualdade de gênero através de iniciativas voltadas à comunidade e ao ativismo social;
    7. Medir, documentar e publicar os progressos da empresa na promoção da equidade de gênero.