Rodobens prevê aumento de veículos destinados a executivos

Mais de 500 carros da empresa são usados para este fim; mercado deve crescer 20% em 2013

Por REDAÇÃO AB
  • 28/11/2012 - 15:55
  • | Atualizado há 2 months, 1 week
  • um minuto de leitura
    A Rodobens Leasing e Locação constatou em uma pesquisa realizada com seus clientes que o mercado de veículos destinados a executivos tem crescido no Brasil. A empresa já possui mais de 500 carros para esta finalidade, o que representa 15% total de sua frota. E em 2013, prevê acréscimo de 20% neste tipo de negócio.

    Renato Vaz, diretor geral da Rodobens Leasing e Locação, explica que os veículos são entregues para valorizar o profissional e também retê-lo na empresa. Os executivos que desfrutam deste benefício, segundo ele, dão preferência para itens de segurança e conforto, especialmente para os blindados, muito usados por presidentes e vice-presidentes das companhias. “As empresas contratantes do leasing operacional disponibilizam a esses executivos veículos entre R$ 60 mil e R$ 500 mil”, diz.

    PERFIL

    A pesquisa traçou um perfil da preferência dos veículos. Ela aponta que os gerentes utilizam normalmente sedãs médios e hatchbacks a partir de R$ 60 mil - os mais comuns são Ford Focus e Toyota Corolla. Os diretores, por sua vez, optam por sedãs médios, grandes e SUVs acima de R$ 100 mil, como Toyota Hilux, Honda Accord e veículos Volvo. Dependendo do caso, o carro é blindado e possui itens de entretenimento. Enquanto os vice-presidente escolhem modelos mais luxuosos, potentes e seguros (blindados), como Audi A5 e VW Passat CC, acima de R$ 160 mil. E os presidentes usam carrões acima dos R$ 200 mil, como Audi, BMW e Land Rover, optando na maioria dos casos por SUVs blindados.

    O período médio de leasing é de dois a três anos, no qual a empresa paga apenas pelo uso. No final do contrato, o executivo interessado tem a possibilidade de comprar o bem.