Venda de carros cresce mais de 18% na Europa

Números de junho mostram que a crise dos semicondutores parece ainda não ter afetado o setor; no semestre, avanço foi ainda maior, de quase 25%

Por REDAÇÃO AB
  • 16/07/2021 - 16:13
  • | Atualizado há 2 months
  • 58 segundos de leitura

    De acordo com o balanço mensal divulgado pela Acea – associação das montadoras europeias, o setor por lá não tem muito do que reclamar em termos de vendas, já que as fabricantes da região (União Europeia, Reino Unido e Efta – Islândia, Liechtenstein, Noruega e Suécia) contabilizaram crescimento de 18,3% no número de veículos de passeio comercializados em junho, com 1,282 milhão de unidades, contra 1,084 milhão que foram vendidos em maio.

    O total de automóveis licenciados no mercado europeu no primeiro semestre apresentou números ainda melhores, com alta de quase 25% na comparação com o mesmo período do ano passado – que, vale lembrar, foi bastante impactado pela pandemia. Ainda assim, os números chamam a atenção, com 6,486 milhões de exemplares emplacados de janeiro a junho deste ano, frente aos 5,204 milhões registrados nos seis primeiros meses de 2020.

    Publicidade



    Em relação às montadoras, o grupo Volkswagen continua no topo do ranking, com 26,9% de participação nas vendas no Velho Continente, mantendo boa vantagem sobre a Stellantis, segunda colocada com 20,2%. Renault (9,9%), Hyundai (8,2%) e BMW (6,9%) completam a relação dos cinco maiores grupos de montadoras em vendas no mercado europeu em junho.