Vendas apontam crescimento em junho

Na primeira metade do mês foram emplacados 176,4 mil veículos; junho pode fechar com 330 mil emplacamentos

Por PEDRO KUTNEY, AB
  • 18/06/2013 - 16:40
  • | Atualizado há 2 months, 1 week
  • um minuto de leitura

    As vendas de veículos novos na primeira quinzena de junho avançaram 7,57% sobre o mesmo período de maio, totalizando 176,4 mil emplacamentos, o que resultou em queda de 3,3% em comparação com a primeira metade de junho de 2012. Os dados foram divulgados na terça-feira, 18, pela associação dos concessionários, a Fenabrave, com base nos licenciamentos registrados no Renavam nos primeiros 11 dias úteis deste mês.

    “Tivemos o feriado em 1º de maio e, com isso, os outros dias daquela semana foram mais fracos em vendas, o que não ocorreu em junho”, disse em nota Flávio Meneghetti, presidente da Fenabrave, para explicar o avanço mais acelerado do mercado este mês.

    O número de emplacamentos demonstra que houve crescimento na média diária de vendas, conforme adiantou Automotive Business (leia aqui). Os licenciamentos de automóveis, utilitários leves, caminhões e ônibus avançaram de 14.911 por dia útil na primeira metade de maio para 16.040 agora. Junho tem 20 dias úteis e se o ritmo atual for mantido o mês deve fechar com 320 mil a 330 mil veículos novos emplacados, resultado que seria entre 1% e 4% acima do mês passado e de 11% a 15% maior do que junho de 2012.

    No acumulado deste ano, de janeiro até o dia 17 de junho, foram emplacados no País 1,54 milhão de veículos, o que significa avanço de 7,2% sobre idêntico período de 2012. O mais provável agora, segundo analistas, é que esse porcentual comece a recuar para a casa dos 4% a 5%, pois a base de comparação será feita com o período do ano passado em que houve o desconto de IPI para compra de carros novos, anunciado pelo governo no fim de maio de 2012, o que reduziu preços e aqueceu o mercado.

    CAMINHÕES E ÔNIBUS

    As vendas de veículos comerciais pesados continua em alta no ano com a normalização do mercado, que no ano passado foi impactado negativamente pela mudança na legislação de emissões. Na primeira quinzena de junho os emplacamentos de caminhões atingiram 7.249 unidades, crescimento de 6,1% sobre o mesmo intervalo de maio e de expressivos 26,9% ante junho de 2012. No ano foram vendidos 68,5 mil caminhões, em evolução de 6,1% em relação ao ano passado.

    Os ônibus, mais sujeitos a sazonalidades, tiveram desempenho pior no período, com 1.308 emplacamentos, resultado 14,4% inferior ao da primeira metade de maio, mas com avanço de 23,54% sobre o mesmo período de junho de 2012. As vendas de ônibus totalizam 15,4 mil unidades este ano, com crescimento de 10% sobre igual período do ano passado.