Vendas pararam de cair, avalia Powels, da Volkswagen

David Powels, presidente e CEO da Vollkswagen Brasil e América do Sul

Por SUELI REIS, AB | De São Carlos (SP)
  • 03/05/2017 - 21:00
  • | Atualizado há 2 months, 1 week
  • 41 segundos de leitura

    Apesar de as vendas de veículos terem recuado 3,3% em abril com relação a igual mês do ano passado (leia aqui), o desempenho do mercado começa a dar sinais de que o pior ficou mesmo para trás e há meses o índice de queda vem diminuindo gradualmente.

    “Janeiro e fevereiro foram relativamente fracos, mas juntos, março e abril foram melhores do que a nossa expectativa. Pelo menos a queda parou”, avalia o presidente e CEO da Volkswagen Brasil e América do Sul, David Powels.

    Para o executivo, a demanda por veículos deve voltar a apresentar movimento positivo na medida em que a economia brasileira comece a entrar nos eixos. “Os consumidores estão diminuindo as dívidas, o que pode ajudar na melhora da confiança; é importante que as reformas sejam consolidadas para que o mercado volte, mas será um retorno lento”, analisa.

    Powels trabalha com a projeção de vendas de 2% a 3% maiores em 2017 sobre as do ano passado, abaixo da previsão da Anfavea, associação das montadoras, que prevê 4% de crescimento das vendas neste ano (leia aqui).