Volkswagen do Brasil adota programa para zerar emissão de CO2 nas fábricas

Iniciativa faz parte do plano global do grupo para todas as plantas até 2030

Por REDAÇÃO AB
  • 21/08/2020 - 14:24
  • | Atualizado há 2 months
  • um minuto de leitura

    Seguindo a estratégia que o Grupo Volkswagen está adotando em todas as suas unidades pelo mundo, a VW do Brasil iniciou a implantação do programa Zero Impact Factory (Fábrica com Impacto Zero), cujo objetivo é neutralizar as emissões de CO2 de todas as fábricas da corporação, tornando-as mais eficientes ambientalmente. Independentemente do novo programa, a subsidiária brasileira segue com o plano anterior (Think Blue Factory), que tem como meta reduzir o impacto ambiental em 30% até 2025, na comparação com 2010.

    De acordo com a montadora, o programa Zero Impact Factory é dividido em três etapas. A primeira prevê a criação e a adoção de novos procedimentos a fim de evitar o máximo possível de impactos ambientais. A segunda é reduzir efetivamente o impacto, privilegiando o uso de energias ambientalmente sustentáveis e material reciclável, por exemplo. Por fim, a terceira visa criar ações para compensar os impactos causados ao meio ambiente pelas emissões de CO2.

    “Focaremos com maior intensidade nos índices-chave de consumo de energia que têm impacto ambiental direto nas localidades das fábricas, com o intuito de neutralizar o CO2 em nossas instalações”, afirmou Rafael Pestana, gerente executivo de planejamento de manufatura da Volkswagen do Brasil.

    O novo programa, ainda segundo a montadora, reflete as mudanças que a conscientização ambiental vem provocando na sociedade nos últimos anos e antecipa como isso vai impactar na imagem das grandes indústrias. Então, não é importante apenas pensar no impacto ambiental dos veículos produzidos, mas também naquele causado pelas fábricas em suas localidades.