Volvo CE assume novo compromisso para reduzir emissões de CO2

Máquinas elétricas a bateria fazem parte das soluções adotadas pela Volvo CE para zerar emissões de carbono

Por REDAÇÃO AB
  • 29/06/2021 - 18:50
  • | Atualizado há 2 months
  • um minuto de leitura

    A Volvo Construction Equipment anunciou na terça-feira, 29, que está compromissada com as chamadas metas SBTi (Science Based Targets, ou Metas Baseadas na Ciência, em inglês) para zerar as emissões de carbono em sua cadeia produtiva até 2040, mas já apresentando reduções significativas em 2030. De acordo com a empresa, as SBTi fazem parte de uma iniciativa criada em colaboração entre CDP (Carbon Disclosure Project), Pacto Global das Nações Unidas, WRI (World Resource Institute) e o WWF (World Wildlife Fund for Nature), para impulsionar uma grande ação climática no setor privado, que permite às empresas estabelecerem metas de redução de emissões fundamentadas na Ciência.

    A Volvo CE afirma que zerar as emissões de gases de efeito estufa é um compromisso conjunto do grupo sueco em todas as suas áreas de negócios e foi definido para 10 anos antes do estipulado pelo acordo SBTi, levando em conta a idade média das máquinas utilizadas pelos clientes. Assim, para que toda a frota atinja o nível de emissão zero até 2050, vai ser preciso que todos os produtos entregues após 2040 já não produzam poluentes.

    Publicidade



    A fabricante de equipamentos de construção definiu ainda metas próprias para serem atingidas até 2030, incluindo a redução pela metade das emissões em suas operações, instalações e processos produtivos, o que deve resultar na diminuição total de 30% no uso de seus produtos. A Volvo CE explica, contudo, que em seu setor, a maior parte das emissões é gerada a partir do momento em que as máquinas passam a ser usadas logo que saem das fábricas.

    “As mudanças climáticas são reais e um dos maiores desafios do nosso tempo; como uma das fabricantes líderes mundiais de equipamentos de construção, não temos apenas a responsabilidade de reduzir nossa pegada de carbono, temos ainda uma visão clara, muita determinação e muitos talentos para impulsionar essa transformação que é urgente e necessária. As escolhas que fazemos hoje formarão o mundo amanhã. Nós escolhemos agir”, afirmou Melker Jernberg, presidente da Volvo CE.

    A montadora já havia se comprometido com a descarbonização por meio da adoção de novas tecnologias e também com o envolvimento em iniciativas de mudança climática, como o Construction Climate Challenge (CCC) e o WWF Climate Savers Program. Com as SBTi, a Volvo CE tem mais uma ferramenta para garantir que as reduções estejam alinhadas com amais recente Ciência climática a fim de atender o Acordo de Paris.