VW integra força-tarefa nacional para consertar respiradores

Funcionários farão manutenção dos aparelhos de forma voluntária na fábrica Anchieta, em SBC

Por REDAÇÃO AB
  • 13/04/2020 - 19:07
  • | Atualizado há 2 months
  • 55 segundos de leitura

    A Volkswagen é mais uma montadora que passa a integrar a rede de empresas e instituições no Brasil para consertar respiradores mecânicos ou ventiladores pulmonares, que são essenciais no tratamento de pessoas que contraíram o novo coronavírus.


    A empresa utilizará sua fábrica Anchieta, em São Bernardo do Campo (SP) para fazer a manutenção dos aparelhos a partir desta semana. O serviço será feito por funcionários de forma voluntária que passaram por capacitação técnica do Senai de como consertar os respiradores.

    A estimativa é que cada equipamento recuperado possa atender até dez pessoas em um período de cinco meses. Dados do Ministério da Saúde estimam que mais de 3,6 mil aparelhos precisam de reparo no Brasil atualmente. A força-tarefa conta com montadoras como Honda, Toyota, GM e Scania.

    “Este é o momento de doar e não de pedir. Vejo muitos empresários brasileiros doando seus produtos, seus serviços e seu tempo. A Volkswagen e os nossos empregados voluntários agora também irão contribuir com o conserto de equipamentos tão cruciais para o combate à Covid-19”, ressalta Pablo Di Si, presidente e CEO da Volkswagen para a América Latina.