VW investirá US$ 800 milhões nos EUA para produzir carros elétricos

Ao centro, o conceito elétrico ID Crozz, que será produzido nos EUA a partir de 2022. Ao lado, o ID Buzz, releitura elétrica da Kombi, e ao fundo o ID Compacto, todos previstos na linha ID de elétricos

Por REDAÇÃO AB
  • 14/01/2019 - 18:11
  • | Atualizado há 2 months, 1 week
  • um minuto de leitura

    A Volkswagen anunciou investimento de US$ 800 milhões (€ 700 milhões) para a expansão de sua fábrica em Chattanooga, no Tennessee (Estados Unidos) para a produção de carros elétricos a partir de 2022. A unidade será uma das oito fábricas globais escolhidas pela companhia para fabricação local de sua plataforma modular MEB, exclusiva para modelos eletrificados. A produção de elétricos da marca será concentrada na Europa, América do Norte e China e contará com uma capacidade de produção para 1 milhão de veículos elétricos até 2025.

    O primeiro modelo elétrico da VW a ser produzido nos Estados Unidos será o SUV ID Crozz, um conceito da família ID, que identifica os modelos elétricos da VW. A fabricante também confirmou a produção local do ID Buzz, uma releitura moderna da saudosa Kombi em sua versão elétrica.

    “Os EUA são um dos locais mais importantes para nós e a produção de carros elétricos em Chattanooga é uma parte fundamental de nossa estratégia de crescimento na América do Norte”, disse em nota o CEO da Volkswagen, Herbert Diess. “A equipe de gestão liderada por Scott Keogh está comprometida em continuar aumentando nossa participação de mercado nos próximos anos. Juntamente com nossos investimentos contínuos e este aumento na produção local, estamos fortalecendo as bases para o crescimento sustentável da marca Volkswagen nos EUA”, completou.

    Por sua vez, Scott Keogh, CEO e presidente do Grupo Volkswagen na America do Norte, destacou a importância da região na estratégia da empresa pela construção do futuro da mobilidade. “Somos conhecidos como ‘o carro do povo’ por uma razão e os nossos veículos elétricos vão se basear nessa tradição. Além disso, a fábrica de Chattanooga continuará a produzir o Atlas e o Passat”, disse.

    A fim de tornar o carro elétrico o meio de transporte popular do futuro, a ofensiva da Volkswagen prevê o lançamento de mais de vinte modelos totalmente elétricos. O primeiro deles será o ID compacto, com produção a partir do fim deste ano em Zwickau, na Alemanha . Outras fábricas na Europa já estão sendo preparadas para a nova fase de produção da plataforma MEB, como em Emden, Hanover, Dresden e Mlada Boleslav, na República Tcheca. Pelo mercado chinês, os elétricos serão produzidos pelas fábricas de Anting e Foshan. No total, a VW está investindo € 11 bilhões em tecnologias dedicadas às tecnologias do futuro até 2023, das quais € 9 bilhões em mobilidade elétrica.