WEG anuncia joint venture para aerogeradores

Parceira é a espanhola MTorres Olvega.

Por Automotive Business
  • 04/03/2011 - 08:52
  • | Atualizado há 2 months
  • 2 minutos de leitura

    <style type="text/css"> .texto { font-family: Verdana, Geneva, sans-serif; font-size: 10px; color: #666; } .texto { text-align: left; } </style>

    NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
    EmailRSSTwitterWebTVRevistaMobileRede Social


    Redação AB

    A WEG anunciou nesta quinta-feira, 3, a assinatura de memorando de entendimento e o acordo de transferência de tecnologia com o Grupo M. Torres Olvega Industrial. A iniciativa resultará na criação de joint venture, com participação igualitária, para a fabricação, montagem, instalação e comercialização de aerogeradores e fornecimento de serviços de operação e manutenção, no Brasil.

    O grupo M Torres foi fundado em 1975 para desenvolver e fabricar sistemas de automação industrial e soluções para os setores de aeronáutica, papel e energia.

    "A parceria, além de possibilitar uma participação mais direta no negócio de geração de energia eólica, nos dará agilidade para atender a crescente demanda do mercado nacional", explica Harry Schmelzer Jr, presidente da WEG, destacando que vários produtos da linha a empresa brasileira, como geradores, transformadores, inversores de freqüência, motores e tintas, fazem parte do pacote completo.

    A fabricação dos aerogeradores, com a contratação de 250 trabalhadores, acontecerá inicialmente no parque fabril de Jaraguá do Sul, SC. O projeto deve apresentar as primeiras unidades ainda esse ano.

    A tecnologia desenvolvida pela MTOI permite que o gerador elétrico seja acoplado diretamente ao eixo da turbina eólica. Sem a necessidade de instalar multiplicador de velocidade há redução do número de componentes e custos de manutenção.

    "Estamos entrando neste segmento com tecnologia moderna e comparável às melhores do mercado. Nosso parceiro já tem aerogeradores em operação na Europa há dez anos", assegura Newton Idemori, diretor de novos negócios da WEG.