Automotive Business
  
News Mobility Now

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado e Negócios | 31/08/2011 | 19h03

Máquinas e equipamentos crescem 10% este ano

Déficit da balança, no entanto, chega a US$ 10,2 bilhões.

Automotive Business

Bruno Bocchini, Agência Brasil

De janeiro a julho o setor de máquinas e equipamentos faturou R$ 45,8 bilhões, 10,3% a mais que em igual período de 2010. O resultado, no entanto, é 2,6% menor que o desempenho alcançado nos sete primeiros meses de 2008, antes da crise financeira internacional. Em julho, o setor faturou 6,9 bilhões, resultado 1,1% superior ao de junho e 10,9% ao de julho de 2010. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira, 31, pela Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq).

Os setores que apresentaram os melhores resultados foram máquinas agrícolas, com aumento de 24,5% no faturamento; hidráulica e pneumática (15,1%); e bombas e motobombas (11,7%). Os piores resultados foram verificados em máquinas têxteis (-38,9%), válvulas (-20,8%) e máquinas para plástico (-1,7%).

Segundo a Abimaq, a balança comercial do setor esta deficitária este ano em US$ 10,2 bilhões. O rombo é 27,3% maior que o registrado no mesmo período de 2010 (US$ 8,1 bilhões). De janeiro a julho, as exportações somaram US$ 6,3 bilhões, enquanto as importações atingiram US$ 16,5 bilhões, crescimento de 29,5% e 28,1%, respectivamente, na comparação com 2010.

Entre os principais destinos das exportações brasileiras destacaram-se, em valor, os países da América Latina (47%), seguida de Estados Unidos (18%) e Europa (18%). Com relação aos desembarques, os destaques foram, em valor, Estados Unidos (25,5%), Alemanha (14%) e China (13,1%).

Para o presidente da Abimaq, Luiz Aubert Neto, apesar de o faturamento do setor ter crescido até agora, o governo precisa intervir nas políticas de câmbio e juros para manter o país competitivo. “A competitividade não será restabelecida caso o governo não mexa, urgentemente, na política cambial, nos juros e no custo Brasil”.



Tags: Abimaq, máquinas agrícolas, motobombas, Luiz Aubert Neto.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

Mobility Now