Automotive Business
  
News Mobility Now

Notícias

Ver todas as notícias

Powertrain | 01/12/2011 | 22h26

PSA surpreende com sistema de partida a frio

Francesa adotará Flex Start em larga escala

Automotive Business

Automotive Business

A PSA Peugeot Citroën vai anunciar dia 13 de dezembro, na fábrica de Porto Real, RJ, uma novidade importante no segmento de powertrain. A empresa fará o lançamento do sistema de partida a frio Flex Start, desenvolvido em parceria com a Bosch. A empresa é a primeira, em nível global, a aderir à inovação, para introdução em larga escala. A Volkswagen já apresenta sistema similar, também da Bosch, utilizado no Polo, com volume limitado.

A PSA Peugeot Citroën anunciará a novidade no momento em que eleva a capacidade da planta de Porto Real, RJ (foto), em 60 mil motores, pulando para 280 mil propulsores/ ano dos modelos 1.4, de 8 válvulas, e 1.6, 16V, flexível e a gasolina. A empresa já recebeu novos equipamentos e melhorias nos processos de manufatura para alcançar a montagem de 1.037 motores/ dia.

A francesa tem planos para crescer na região, aplicando R$ 3,7 bilhões até 2015 no Brasil para dobrar a capacidade da fábrica de Porto Real, alcançando 300 mil veículos e 400 mil motores por ano. O projeto de um novo motor de 1,2 litro, com bloco de alumínio e três cilindros, com opção para injeção direta e turboalimentação, está em andamento para estender a oferta de propulsores na expansão da linha de veículos brasileiros e também os argentinos, montados na unidade de Palomar.

Do total de unidades produzidas até agora em Porto Real, 39% foram exportados.



Tags: PSA Peugeot Citroën, Bosch, Flex Start, partida a frio.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

Mobility Now