Automotive Business
  
News Mobility Now

Notícias

Ver todas as notícias
Venda de implementos rodoviários cai 5,4% no trimestre

Mercado | 07/04/2014 | 15h18

Venda de implementos rodoviários cai 5,4% no trimestre

Anfir cogita rever projeções e teme queda maior que 5% em 2014

REDAÇÃO AB

A queda de 5,4% das vendas de implementos rodoviários no primeiro trimestre em comparação ao mesmo período do ano passado, para pouco mais de 36,5 mil unidades, começa a preocupar a Anfir – Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários. Para o presidente da entidade, Alcides Braga, o resultado sinaliza o que pode vir a ser o cenário ao longo do ano e já cogita a possibilidade de rever a projeção para o ano.

“O recuo aconteceu antes de o mercado passar pelos principais eventos do calendário como a Copa do Mundo e as eleições. Assim, se não houver nenhuma alteração no ritmo da economia ou não for concedido nenhum incentivo ao mercado para estimular os negócios, estimamos que a queda poderá ser superior aos 5% previstos em fevereiro”, argumenta Braga em comunicado divulgado na segunda-feira, 7.

De acordo com os dados divulgados pela Anfir, os dois principais segmentos apresentaram resultados negativos nos três primeiros meses do ano: em pesados – reboques e semirreboques – houve retração de 5,39% sobre o primeiro trimestre de 2013, para 13,9 mil unidades, enquanto em leves – carroceria sobre chassis – os emplacamentos recuaram 5,42%, para 22,5 mil unidades.

O desempenho do trimestre é resultado do fraco movimento dos emplacamentos do setor no bimestre, que terminou com crescimento zero. Na ocasião, a Anfir advertiu que o resultado havia sido mascarado pela transferência de contratos de financiamento que deram entrada no BNDES em novembro e dezembro e concluídos no início deste ano. “Tratou-se de uma estratégia de buscar segurar a taxa de juros mais baixa, no caso os 4% do segundo semestre de 2013, contra os 6% em vigor desde 1º de janeiro de 2014”, explica Mario Rinaldi, diretor executivo da entidade.

Para o decorrer de 2014, o presidente da Anfir declara esperar que os negócios motivados pela Copa do Mundo aliados à perspectiva de safra agrícola superior ao último exercício possam ajudar a reduzir o impacto negativo nos negócios. “Mas só esses fatores não serão suficientes para impedir que a indústria registre queda, com perdas para todas as empresas do setor”, adverte.

- Veja aqui o desempenho de vendas de implementos rodoviários para o primeiro trimestre.



Tags: Anfir, implementos rodoviários, reboques, semirreboques, mercado, economia, Alcides Braga.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

Mobility Now