Automotive Business
  
News Mobility Now

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado | 16/07/2014 | 15h38

Consórcio: vendas de cotas para veículos cai 10,3% no semestre

Associação do setor atribui desempenho ao menor número de dias úteis

REDAÇÃO AB

As vendas de novas cotas de consórcio para a aquisição de veículos diminuíram 10,3% no primeiro semestre ao registrar 1,04 milhão de unidades contra as 1,16 milhões negociadas em mesmo período do ano passado, informa comunicado divulgado na quarta-feira, 16, pela Abac, Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios. Os dados referem-se às cotas para compra de veículos leves, comerciais pesados e motocicletas.

Na contramão da retração nas vendas, o número de consorciados dentro do grupo de veículos aumentou 10%, passando de 4,72 milhões em junho de 2013 para 5,19 milhões em junho deste ano. Este total representa 87% do total de participantes ativos no sistema nacional de consórcio, considerando os demais grupos (imóveis, bens duráveis e serviços), que bateu recorde de 5,94 milhões de consorciados em junho passado.

No acumulado entre janeiro e junho, o volume de crédito para compra de veículos via consórcio chegou a R$ 27,7 bilhões, retração de 9,5% sobre mesmo intervalo do ano passado. Já as contemplações (entrega da carta de crédito para a compra do veículo) cresceram 11,2% no período, ao somar 623,6 mil unidades. Em seis meses, o sistema de crédito dispôs de R$ 15 bilhões para a aquisição de veículos, 13,6% a mais do que no ano anterior.

“Se por um lado, o sistema de consórcios injetou mais de R$ 18 bilhões no mercado em seis meses, possibilitando aquisição de bens e contratação de serviços pelos consorciados contemplados [considerando todos os grupos], por outro, em razão do menor número de dias trabalhados, sejam por férias, feriados, fins de semana prolongados e emendas, ou ainda, pelas paralisações em dias de jogos da Copa do Mundo, as novas adesões acumuladas apresentaram baixa. Entendemos, no entanto, que a confiança e o planejamento do brasileiro têm propiciado qualidade nas vendas. Isso tem sido um dos principais aspectos observados e que permitem projetar continuidade no aumento no total de participantes no segundo semestre”, analisa Paulo Roberto Rossi, presidente executivo da Abac.

SEGMENTOS

O consórcio continua com 50% de participação das vendas de motocicletas no País e se consolida como o segundo maior segmento dentro do sistema. Prejudicadas pelo menor número de dias úteis na primeira metade do ano, as vendas de cotas para a aquisição de veículos de duas rodas caíram 8,2%, para 601 mil unidades. O ticket médio (valor médio da cota no mês) fechou junho em R$ 9,9 mil, retração de 10% sobre a média de R$ 11 mil registrada em igual mês de 2013. Já o número de participantes deste grupo cresceu 1,7%, para 2,46 milhões de consorciados interessados na compra de motos.

No segmento de leves (automóveis e comerciais leves), apesar da retração de 13% nas vendas de novas cotas no primeiro semestre, para 421 mil unidades, e consequente diminuição de 11,9% dos créditos contratados em razão do menor número de dias úteis, o consórcio apresentou ticket médio maior no encerramento de junho, de R$ 42,9 mil contra os R$ 39,4 mil de mesmo mês do ano passado. O número de participantes subiu 19% ao contabilizar 2,5 milhões de consorciados. O segmento manteve a média de participação via consórcio, de um veículo vendido a cada seis no mercado interno com o aumento das contemplações, 13,5% maiores que as do ano passado, passando de 218,5 mil para 192,5 mil consorciados contemplados.

Para o grupo de veículos pesados, que inclui caminhões, ônibus, semirreboques, tratores e implementos rodoviários, as vendas de cotas tiveram retração de 5,2%, para 22 mil unidades, com valor médio de R$ 157,7 mil, aumento de 2,5%. Apesar de menos cotas para o segmento, o número de participantes cresceu 15% ao passar de 204,5 mil consorciados em junho de 2013 para 235 mil em junho deste ano. Os contemplados somaram 17,1 mil no primeiro semestre, 5,6% a mais do que há um ano.



Tags: Consórcio, Abac, cotas.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

Mobility Now